18 de janeiro de 2020
GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

coluna Xadrez

Lissauer confirma alinhamento, mas nega Alego ‘agachada’

Publicado por: Rubens Salomão | Postado em 18 de janeiro de 2020
Para ele, os deputados têm pensamento alinhado com o executivo em relação às demandas por “ajuste das contas” no estado e melhor “prestação de serviço”| Foto: Divulgação

Depois de 2019 marcado por relação tensa no primeiro semestre e consolidação de base aliada sólida nos últimos meses, a relação entre Assembleia Legislativa e o governo de Ronaldo Caiado (DEM) deve ser mais tranquila ao logo dos trabalhos neste ano. É a expectativa do presidente, Lissauer Vieira (PSB). Para ele, os deputados têm pensamento alinhado com o executivo em relação às demandas por “ajuste das contas” no estado e melhor “prestação de serviço”, mas preservam a independência. “No passado, o Legislativo era mais agachado em relação ao Executivo. Hoje não. Conseguimos mostrar ao governo que temos nossa autonomia e participamos de todas as decisões do estado. Seja de ordem tributária, ajuste fiscal ou o que for”, define. “O governo hoje respeita o poder legislativo”, garante, em comparação com as gestões do PSDB, quando ele também integrava a base governista.

Na base

Lissauer insiste em afirmar que busca sempre manter certa independência no próprio mandato, mas admite que votou com o governo nas apreciações de Propostas de Emendas à Constituição e vetos de Caiado.

Ao futuro

Questionado sobre a aparente saída de cinco deputados da base caiadista, por terem votado contra projetos de estatuto de servidores e a PEC da previdência, o presidente considera que boa parte continuará votando com o palácio.

Força mantida

“O governo abriu o diálogo e consolidou base que não é restrita aos 26 que votaram nos projetos. O grupo chegar a 27, ou até 28 deputados, na prática”, contabiliza.

Crise

A região de Pontalina sofre com quedas de energia, além dos alagamentos. A Enel informa que, após o rompimento da represa, encaminhou equipes extras de atendimento emergencial para prestar apoio a região.

Como fica?

A distribuidora informa que o município está sendo impactado por fortes chuvas e que pelo menos 100 clientes estão com fornecimento de energia interrompido. Técnicos têm dificuldades de deslocamento na cidade.

Reação

O governo estadual criou força-tarefa para monitorar a situação em Pontalina, com Segurança Pública, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) e da Agência Goiana de Infraestrutura e Transporte (Goinfra). 

Semelhante

O mesmo foi feito pelo prefeito de Anápolis, Roberto Naves (PP), depois da forte chiva de sábado para tomar medidas preventivas. Desabrigados estão concentrado em alojamento no Ginásio Newton de Faria. 

Atualização

O app “Goiânia Contra o Aedes”, da Prefeitura de Goiânia e Ministério Público, foi atualizado e permite encaminhamento de denúncias por meio de vídeos e fotos.

CURTAS

- O HDT realizou doação de 600kg de alimentos para à Igreja Renovada Inclusiva para a Salvação e para Casa Renovo.

- As instituições trabalham com evangelização e apoio físico, emocional e psicológico, em especial à comunidade LGBT. 

- Iphan e governo assinaram restauração do Teatro Sebastião Pompeu de Pina, em Pirenópolis, fechado há 3 anos. 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar