07 de abril de 2020
GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

coluna Xadrez

Com “outra realidade”, Lissauer defende retorno de infiéis

Publicado por: Rubens Salomão | Postado em 07 de abril de 2020
“Naquele momento, o governador atendeu um consenso da base. Agora é uma outra realidade em que pode sim se ajustar, se os deputados assim entenderem”, disse| Foto: Divulgação

O governador Ronaldo Caiado (DEM) nos mais de 40 minutos de discurso na retomada da Assembleia Legislativa retomou número de 26 deputados aliados e disse que o executivo está aberto a “todos que quiserem buscar soluções” e que “engenheiro de obra pronta é muito fácil”, em referência aos opositores. Em entrevista, o governador deixou para os deputados a missão de avaliar o possível retorno de Virmondes Cruvinel (Cidadania) e Karlos Cabral (PDT), que foram expulsos em dezembro, quando votaram contra estatuto do servidor e PEC da previdência. “Isso não é matéria do governador. Eu atendi aquilo que os parlamentares pediram e esse assunto será tratado por eles”. O presidente Lissauer Vieira (PSB) considera a reaproximação. “Naquele momento, o governador atendeu um consenso da base. Agora é uma outra realidade em que pode sim se ajustar, se os deputados assim entenderem”.

Independentes

Virmondes alega defender suas “bandeiras com independência”, mas que está “aberto ao diálogo”. Já Karlos Cabral nega a saída da base: “Da minha parte não teve afastamento. Eu continuo votando como sempre votei”.

Outro lado

No discurso da oposição, Helio de Sousa (PSDB) criticou a atual gestão, mas também admitiu erros do PSDB. Pediu inclusive “a volta da titularidade dos professores”.

Quórum

Com possível baixa presença no período eleitoral, Lissauer pedirá “bom senso” aos deputados para manter três sessões semanais. Também definiu retorno dos trabalhos na primeira semana de fevereiro em 2021, como ocorre em Brasília.

Base total?

O prefeito de Goiânia, Iris Rezende (MDB), mostrou confiança ao afirmar não ter pressa em escolher o próximo líder na Câmara Municipal. Disse que “a unanimidade dos vereadores tem apoiado os projetos da prefeitura”.

Revelação

Na parte formal de cumprimentos, Ronaldo Caiado revelou relação próxima com o presidente do TCE, Celmar Rech, em evento de lançamento do programa Destrava. “Tem sido um dos grandes conselheiros do meu governo”, contou.

Respeito

Questionado pela Xadrez sobre a perspectiva da base aliada para a disputa de 2020, Caiado respondeu: “me dirijo à urna como vossa excelência. Sou extremamente zeloso em aguardar a abertura delas para saber o nosso resultado”.

Novo prazo

O governador ainda confirmou intenção, antecipada aqui, de buscar junto ao STF mais tempo para aderir ao Regime de Recuperação Fiscal. Prazo atual vence em 6 de abril.

Tô fora!

O deputado federal Professor Alcides (PP) descarta candidatura a prefeito de Aparecida de Goiânia. “Fui eleito para ser deputado. Deixar de buscar recursos para disputar com o prefeito Gustavo Mendanha atrapalharia a cidade”.

CURTAS

- Pesquisa da Aneel mostra que a Enel teve piora em indicador que mede a satisfação do consumidor com os serviços.

- A Prefeitura de Goiânia anuncia na manhã de hoje concurso público para seleção de quase 2 mil vagas para a administração.

- O Tesouro Nacional informa que o Governo Federal pagou R$ 78,22 milhões de dívidas do Estado de Goiás em janeiro.

 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar