GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

coluna Xadrez

Banner saneago sky

Iris e Caiado acumulam desgastes em Goiânia

Publicado por: Rubens Salomão | Postado em 15 de julho de 2020
Questionado sobre possível força da base do governador para a disputa, Vanderlan considera que Caiado “não mostrou ainda a que veio”| Foto: Takeshi Gondo

O senador Vanderlan Cardoso (PSD) mantém pré-candidatura à prefeitura de Goiânia e retoma críticas ao prefeito Iris Rezende (MDB) e ao governador Ronaldo Caiado (DEM), em relação às administrações na cidade. Como antecipado aqui, Vanderlan entrou de cabeça nas articulações deste ano de olho mesmo na estrutura para a sucessão estadual de 2022. “Goiânia passa por dificuldades. Tem déficit com a pandemia e as demissões recentes. Então, tem o desgaste natural e o prefeito vai ter trabalhar muito para tirar esses desgastes”, afirma. Questionado sobre possível força da base do governador para a disputa, Vanderlan considera que Caiado “não mostrou ainda a que veio”. “Por mais de um ano ficou no discurso sobre a gestão anterior. Agora na pandemia, o culpado dos problemas passou a ser o presidente Bolsonaro. Então, o governador ainda tem que mostrar trabalho”, aponta.

Qualquer outro

Vanderlan ainda acredita que resultados de má gestão e a imagem de Iris Rezende serão ponto importante na campanha, mesmo que o prefeito não seja candidato. “Um outro candidato vai pegar também esses desgastes”.

Vai compor

O senador admite que conversa com Maguito Vilela sobre o processo em Goiânia “já há bastante tempo” e considera “composição”. Ele reconhece, no entanto, a preferência do PSD por candidatura própria.

Outro foco

Diante das críticas, o secretário de Governo, Ernesto Roller, diz que Vanderlan deve “bajular o povo goiano em vez de bajular o presidente Bolsonaro”.

Plano diretor

Moradores do Setor Sul, em Goiânia, coletam assinaturas pela internet para derrubar propostas de adensamento da região, apresentadas durante tramitação do Plano Diretor na Câmara Municipal de Goiânia.

Preservação

Documento define posição contrária ao adensamento que extrapole limites vigentes, além da venda de áreas públicas. As alterações podem trazer “sérios prejuízos à mobilidade e à qualidade de vida do bairro e da cidade como um todo”.

Transparência

Projeto do deputado estadual Karlos Cabral (PDT) estabelece que hospitais públicos ou privados do estado de Goiás devem divulgar informações clínicas virtualmente para familiares de pacientes internados com Covid-19.

Dentro de casa

Já proposta do deputado Eduardo Prado (DC) determina a comunicação de violência doméstica e familiar a órgãos de segurança pública por condomínios residenciais.

Nova eleição

O presidente da Comissão Nacional de Direito Eleitoral da OAB, Eduardo Damian, participa de live nesta quinta-feira (4), às 19h, com advogados goianos no perfil da Mega Soft Informatica, no Instagram. Na pauta, os desafios das eleições deste ano.

CURTAS

- O Procon de Aparecida de Goiânia realiza hoje fiscalização nas agências bancárias para verificar medidas contra o coronavírus.

- Presidente da Comissão de Saúde da Câmara, Priscilla Tejota (PSD) cobrou testes rápidos para profissionais da saúde.

- A prefeitura negligencia situação de enfermeiros, técnicos, motoristas, maqueiros, guardas e trabalhadores administrativos.

 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar