GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

coluna Xadrez

José Nelto defende critérios de apoio da base Caiadista nas eleições municipais

Publicado por: Rubens Salomão | Postado em 01 de agosto de 2020
Ronaldo Caiado se reune às 9h deste sábado (1) com lideres dos partidos da base de apoio para discutir estratégias para as eleições municipais - Foto: Reprodução

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM) vai se reunir às 9 horas deste sábado (1º) com líderes dos partidos da base de apoio. A coluna havia adiantado na última semana, que Caiado aos poucos terá ações políticas que começariam em Goiânia e se estenderiam para o interior do estado. Nesta semana foi definida comissão provisória no DEM da capital. A intenção da reunião é de discutir estratégias para as eleições municipais. Para o deputado federal José Nelto que preside o Podemos em Goiás, é preciso diferenciar “a base real da base oportunista”. O parlamentar avalia que há partidos que são aliados de primeira hora, mas há aqueles que agem pela conveniência. “É preciso separar o joio do trigo”, diz Nelto. O dirigente relata que os critérios de apoio devem ser diferenciados. O deputado ressalta que para um sucesso em 2022, passa por um bom resultado em 2020.

Podemos

Em relação ao Podemos, José Nelto avalia que onde o DEM tem mais força, “o melhor é fazer composição” e nos locais que o Podemos estiver mais consolidado, gostaria do apoio do governador e de toda a base.

Alinhamento

Caiado conta com 13 partidos na base: DEM, PMN, PMB, PPL, PRP, PROS, PRTB, PSC, PTC, PDT, PSB, Cidadania e Podemos. Outro dirigente disse a coluna que precisa haver convergência, pois há locais que há três candidatos e a oposição está mais forte.

Câmara

Na Câmara Municipal de Goiânia, 29 vereadores devem disputar reeleição e tentar manter vaga no legislativo da capital.

Fora do processo

Devem ficar de fora os três vereadores que são pré-candidatos a prefeito, Dra Cristina (PL), Felizberto Tavares (Podemos) e Paulinho Graus (PDT). Não devem disputar reeleição: Milton Mercêz (Patriota) e Rogério Cruz (Republicanos). Ainda avalia: Paulo Magalhães (DEM).

Mais um

O Democracia Cristã (DC) conta com um segundo pré-candidato a prefeito. Além do deputado estadual Eduardo Prado, outro nome que está na disputa é do empresário Gustavo Gayer.

Polêmica

Gayer se envolveu em um polêmica ao gravar vídeo criticando protesto de enfermeiros no Distrito Federal. O fato ocorreu no dia 1º de maio. A época ele negou que tenha ofendido ou agredido os profissionais de saúde.

17

Com mais um pré-candidato no DC, já são pelo menos 17 pré-candidatos a prefeito de Goiânia, mas ao final o número deve cair, com as articulações. De toda forma, deve ser o pleito com a maior quantidade de candidatos.

Transparência

O governo estadual e a prefeitura da capital ocupam a 4ª posição nos rankings de transparência de estados e capitais nos gastos com a Covid-19. O levantamento é feito pela ONG Transparência Internacional.

CURTAS

- Foi indeferido pedido do deputado estadual Humberto Teófilo (PSL) para suspender a nomeação de Sílvio Fernandes Filho em cargo na Codego.

- O Ministério Público recebeu ofício da Câmara de Municipal de Goiânia informando o atendimento das quatro orientações feitas pelo órgão.

- As audiências públicas foram remarcadas para os dias 17, 18, 19, 20 e 21 de agosto, no plenário da Câmara, com participação presencial e virtual.

 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar