coluna Xadrez

Kajuru diz ao prefeito que pode trazer R$ 8 milhões para Goiânia

Publicado por: Venceslau Pimentel | Postado em 19 de março de 2021
A prioridade do senador é que essa verba seja investida na saúde, prioritariamente nas maternidades da capital - Ilustração: Takeshi Gondo

Venceslau Pimentel

O senador Jorge Kajuru (Cidadania) se comprometeu a trazer para a administração de Goiânia recursos da União, por meio de emenda parlamentar, da ordem de R$ 8 milhões, para que o prefeito Rogério Cruz (Republicanos) invista em saúde, com prioridade para as maternidades da capital. Kajuru conviveu com Rogério, na Câmara de Goiânia, nos primeiros dois anos da legislatura passada. “Na semana que vem ele vai ao meu gabinete, em Brasília, levar as primeiras demandas de Goiânia”, antecipou o senador à coluna, após visita ao Paço Municipal, ontem, acrescentando que aposta numa gestão equilibrada do prefeito, por ser trabalhador, e disse que ele terá Daniel Vilela como um forte apoiador.  

De saída 

O deputado federal Vitor Hugo (PSL-GO) anunciou ontem que o partido está fora do bloco formado por partidos de esquerda em apoio ao candidato Baleia Rossi (MDB-MG) à presidência da Câmara dos Deputados. O grupo apoia Arthur Lira (PP).

Guerra à vista

Dois projetos antagônicos tramitam na Câmara, em torno da vacinação contra a Covid-19. Há uma proposta, de um parlamentar do PSL, que prevê multa de R$ 500 mil ao agente público, em caso de efeito colateral grave ou morte. 

É com o governo

Em sentido contrário, o outro projeto de lei, de um deputado do PV, proíbe o governo de transferir ao cidadão responsabilidade pela vacina, que foi autorizada pela Anvisa em caráter emergencial.

Herança do PSDB

Relator do orçamento do Estado, o deputado Chico KGL alerta que, para este ano, a renúncia fiscal alcança astronômicos R$ 9 bilhões em benefícios fiscais, herdados das gestões do PSDB.

Boquinha

Mesmo tendo recursos do fundo partidários, partidos políticos podem ser dispensados de registra em cartório civil alterações programáticas ou estatutárias. Ou seja, a documentação poderá ser encaminha diretamente ao TSE.

Garantido

Os R$ 100 milhões destinados à compra do Hospital do Servidor, para que no local seja instalado o Hospital Materno Infantil, estão assegurados no orçamento do Estado para este ano de 2021.

Queda de Braço

O líder do Governo, Bruno Peixoto (MDB), e o presidente da Comissão de Finanças, Karlos Cabral (PDT) tiveram embatem, ontem, por conta do orçamento da Universidade Estadual de Goiás. Cabral rejeitou destaque de Peixoto, que derrubava sua emenda destinando 2% da receita do estado para a UEG.

Sopa de siglas

Para quando chegar 2022, ao menos 33 partidos estarão aptos a lançar candidatos nas eleições. Mas outras 77 legendas estão em processo de construção, de olho no pleito. A Aliança pelo Brasil é uma delas.

CURTAS

- A liderança do Governo na Alego pode sofrer mudança com a minirreforma administrativa do Executivo.

- Defensor da Cloroquina, assim como Jair Bolsonaro, o empresário Luciano Hang é internado em São Paulo depois de testar positivo para Covid-19.

 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar