coluna Xadrez

Jânio Darrot sai do PSDB e deve se aliar a Caiado em 2022

Publicado por: Venceslau Pimentel | Postado em 04 de abril de 2021
Confira a coluna xadrez, desta quinta-feira (04/03), por Venceslau Pimentel | Foto: Takeshi Gondo

Venceslau Pimentel

A saída do ex-prefeito de Trindade, Jânio Darrot, do PSDB, faz parte de uma estratégia para a formatação de um projeto para buscar uma vaga na Câmara dos Deputados, em 2022, dentro de um grupo político aliado ao governador Ronaldo Caiado (DEM), que deve ir à reeleição. Nesse sentido, como revela à coluna um aliado do ex-tucano, as conversações estão avançadas com o Patriota, tendo à frente o presidente Jorcelino Braga, e na retaguarda, o deputado federal Alcides Rodrigues. Mas a decisão de Darrot, de abandonar o barco tucano, tomou forma durante a campanha eleitoral, quando bancou Marden Júnior, que é filiado ao Patriota. Com a vitória do afilhado político, se sentiu cacifado para disputar uma cadeira na Câmara, numa briga direta com a deputada Flávia Morais (PDT), que tem a Capital da Fé como principal reduto eleitoral. 

Peso presidencial 

Deve também pesar na decisão de Jânio Darrot, de se filiar ao Patriota, a possibilidade real de Jair Bolsonaro (sem partido) disputar a reeleição pela legenda.

Às pressas 

Para não deixar o PSDB acéfalo, em acordo com o ex-governador Marconi Perillo, o seu sucessor no governo, em 2018, José Eliton, toma conta do partido até segunda ordem. A próxima defecção tem nome e sobrenome: o deputado federal Célio Silveira. 

Ranço antigo 

Presidente do Democratas, em Luziânia, o ex-deputado Marcelo Melo – que já foi filiado ao MDB, diz que “o ódio patológico” que o governador do DF, o emedebista Ibanês Rocha, nutre por Ronaldo Caiado, não é de agora. Vem desde a frustada tentativa de criar a Região Metropolitana, barrada por Caiado. 

Monitora 

Em meio a mais um aumento no preço dos combustíveis, a governo de Goiás monitora a tramitação do projeto que Jair Bolsonaro enviou ao Congresso, unificando as alíquotas do ICMS incidentes sobre combustíveis. A lista inclui gasolina, diesel, biodiesel, etanol e gás natural e de cozinha, além de vários outros derivados de petróleo. 

Mais fôlego 

Aos prefeitos, o Tribunal de Contas dos Municípios avisa que o envio de dados ao órgão, sobre o movimento contábil mensal de janeiro e fevereiro deste ano, poderá ser feito até 17 de maio. 

Lotação 

Para o vereador Lucas Kitão (PSL), a superlotação dos ônibus do transporte coletivo não vem de agora. Diz que ela antecede a pandemia do novo coronavírus, e defende que a Câmara de Goiânia entre de vez na discussão. 

Prestígio 

Às vésperas do dia da mulher, o Senado definiu que uma representante da bancada feminina terá assento no Colégio de Líderes, e terá poder de decisão com as mesmas prerrogativas dos lideres partidários ou bloco. 

Confirmada

A reunião extraordinária, convocada pelos associados da Associação Goiana dos Municípios, está confirmada para 12 de março, quando estará em pauta a destituição imediata da atual diretoria da entidade, comandada pelo ex-prefeito de Hidrolândia, Paulo César Rezende (PSDB). 

CURTAS 

programa da Enel que troca recicláveis por bônus na conta de energia, completa três anos em Goiás, neste mês, com a marca de quase 2 mil toneladas de materiais reciclados.  

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar