coluna Xadrez

Receita do Estado cai em fevereiro, mas é maior que a de 2020

Publicado por: Venceslau Pimentel | Postado em 29 de abril de 2021
Confira a coluna Xadrez, por Venceslau Pimentel, desta Segunda-feira (29/3) | Foto: Takeshi Gondo

Venceslau Pimentel 

A arrecadação do Estado, em fevereiro, de R$ 2,49 bilhões, foi menor que a do mês anterior em 130 milhões. Mas, se comparada com a receita registrada em fevereiro de 2020, houve um aumento de 459 milhões. Nos dois primeiros meses deste ano, foram injetados nos cofres do Estado R$ 5,12 bilhões. No total, a receita orçada até dezembro é de R$ 30,74 bilhões. Só que a projeção de despesas é de R$ 34,57 bilhões, ou seja, R$ 3,82 bilhões de déficit. Diante do recrudescimento da pandemia, esses valores devem mudar, em função de eventual queda de receita. Tem deputado querendo saber sobre o assunto, mas só vai ter resposta quando a secretária da Economia, Cristiane Schmidt, for à Assembleia Legislativa para prestar contas do terceiro quadrimestre de 2020. 

Remarcada

A ida de Cristiane Schmidt à Alego estava marcada para o início deste mês, mas teve de ser adiada por conta da suspensão das atividades parlamentares, por causa do recrudescimento da pandemia. 

Na ativa 

O início da campanha de vacinação contra Covid-19 das forças de segurança pública, previsto para hoje, se dá em meio a uma ação do Ministério Público, que defende imunização apenas de policiais e guardas civis que atuam em atividades operacionais. 

Golpe, não! 

Sobre a sugestão de se aplicar golpe militar para derruba Jair Bolsonaro, o deputado federal Rubens Otoni (PT) diz que esse não é o caminho, mas somente pela democracia.

Mais um

Presidente do Podemos, em Goiás, o deputado federal José Nelto faz coro aos pedidos de exoneração de Ernesto Araújo, por achar que o ministro das Relações Exteriores se mostrou incompetente nas relações diplomáticas.

Não gostaram 

O presidente da Fieg, Sandro Mabel, e o presidente da Fecomércio, Marcelo Baiocchi insistiram até a última hora pela reabertura das atividades econômicas nesta segunda-feira. Mas tiveram que aceitar a data de quarta-feira. 

Resposta dada 

Diante de questionamentos sobre a destinação de recursos do governo federal a Goiás, depois que o presidente Jair Bolsonaro, em tom de provocação, divulgou os valores recebidos pelos Estados e o DF, o governador Ronaldo Caiado divulgou valores e para onde foram os R$ 27,354 bilhões, referentes a 2020. 

Contas prestadas 

Em tuíte, Caiado reforçou que sua trajetória politica sempre foi pautada na transparência e responsabilidade. “Vim aqui mostrar para vocês como cada centavo foi destinado”. 

CURTAS 

Os deputados retomam as sessões remotas a partir do dia 6 de abril, com 16 projetos na pauta além de mais de 90 vetos da Governadoria. 

O mais novo compromisso do prefeito de Anápolis, Roberto Naves (PP), é dar início à vacinação de profissionais da Educação a partir de abril.

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar