19 de setembro de 2018 - quarta-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Cidades
Homicídio
13/03/2018 | 18h00
Dois homens são presos por agredir menor até a morte, em Formosa
Dupla também teria se encarregado de ocultar cadáver da vítima no aterro municipal, enterrando os restos mortais. Vítima era abrigado do projeto Mãe Social

Dois homens foram presos temporariamente nesta terça-feira (13), em Formosa, suspeitos de terem cometido o assassinato de um menor de 12 anos em maior de 2017. José Renato Batista, de 62 anos, e Vikael Batista de Sousa, conhecido como “Ceará”, de 21, teriam agredido a criança até a morte como retaliação a pequenos furtos cometidos por ele.

Na época do crime, o menor era abrigado do projeto Mãe Social do município. Segundo as investigações, o castigo consistiu em chutes, socos e arremessos do menor contra o solo, sendo os ferimentos a causa do óbito.

A dupla também teria se encarregado de ocultar cadáver da vítima no aterro municipal, enterrando os restos mortais, encontrados carbonizados em 23 de maio de 2017. A criança morava no abrigo e era constantemente visto vendendo balas e doces no semáforo da Av. Brasília, no centro da cidade.

Exames da perícia realizados na residência de José Renato revelaram grande quantidade de sangue, o que traz indicações que a vítima morreu no interior da casa. Pela área das manchas reveladas é possível afirmar que o garoto perdeu muito sangue e pode ter agonizado no local por horas até falecer.

 Foto: Reprodução/Internet e Divulgação/Polícia Civil
Tópicos:  prisão,   Formosa,   homicídio,   menor,   crime

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)