Quinta-feira, 22 de agosto de 2019
GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

Cidades

PC prende suspeitos em operação de combate à pedofilia

Postado em: 14-08-2019 as 09h35
Segundo a corporação, estão sendo cumpridos 18 mandados de busca e apreensão domiciliares, em oito cidades de Goiás

Eduardo Marques

Na manhã desta quarta-feira (14), a Polícia Civil (PC) deflagrou a Operação “Meu Zeloso Guardador II”, sob a coordenação da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos (DERCC). Até o momento, 11 pessoas já foram presas nas cidades de Goiânia, Aparecida de Goiânia, Senador Canedo, Campos Verde e Catalão. Mais detalhes serão repassados em coletiva de imprensa marcada para às 11 horas. 

Estão sendo cumpridos 18 mandados de busca e apreensão domiciliares, em oito cidades do estado. O objetivo da operação “Meu Zeloso Guardador II” é a identificação e prisão de autores que armazenam e compartilham pela internet imagens pornográficas infantis.

Primeira fase 

Deflagrada em outubro de 2018, a primeira fase da Operação Meu Zeloso Guardador prendeu em flagrante 24 homens que guardavam ou compartilhavam, pela Internet, imagens pornográficas de crianças e adolescentes. 

Além das prisões, a operação, que contou com a participação de 280 policiais, cumpriu 51 mandados de busca e apreensão, em Goiânia, Aparecida de Goiânia, Anápolis, Bela Vista, Senador Canedo, Trindade, Inhumas, Pirenópolis, Caturaí, Itumbiara, Planaltina de Goiás, Rio Verde, Jataí, Cidade de Goiás, Mozarlândia e Aruanã.

Em quatro meses, segundo a corporação, foram analisados mais de 100 mil arquivos com fotos e vídeos pornográficos feitos com crianças e adolescentes.

Os 24 suspeitos, que não tiveram nos nomes divulgados, foram autuados por guardar ou compartilhar imagens pornográficas de menores de idade, crime que tem pena prevista de três, a até oito anos de reclusão. 

 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja buscar