Domingo, 23 de fevereiro de 2020
GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

Cidades

Polícia Civil apreende lotes de bebidas suspeitas e autua dono de comércio em Goiânia

Postado em: 14-02-2020 às 17h50
A Força-tarefa investiga bebidas adquiridas de forma ilícita - furtadas, desviadas e roubadas – que seriam adquiridas de empresas situadas em cidades satélites de Brasília - Foto: Divulgação

Diego Anatálio

A Polícia Civil de Goiás (PCGO), em operação de combate a crimes de receptação e sonegação de impostos na comercialização, apreendeu lotes de bebidas suspeitas, sem documentação fiscal que comprovem sua origem. Além disso, nessa ação, a PC autuou um dono de estabelecimento por sonegação fiscal.

A operação aconteceu nessa quinta-feira (13), na região metropolitana de Goiânia. A polícia ainda conduziu três indivíduos, dentre eles o proprietário do estabelecimento comercial investigado que foi autuado, até a sede da Decar para prestarem os devidos esclarecimentos sobre os fatos investigados. 

A operação é realizada entre a Polícia Civil de Goiás, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas  (Decar), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Secretaria Estadual de Economia.

A Força-tarefa investiga bebidas adquiridas de forma ilícita - furtadas, desviadas e roubadas – que seriam adquiridas de empresas situadas em cidades satélites de Brasília.

Segundo a Assessoria da PC, "muitas empresas" não possuem notas fiscais nem dos produtos que comercializam, nem dos que supostamente fabricam. Em alguns casos, os estabelecimento emitem notas fiscais fraudulentas para dar uma impressão de que se trata de mercadoria lícita. O objetivo da polícia, agora, é identificar os demais comerciantes e criminosos que participam desse esquema.

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar