Cidades

Mais de 20 mil trabalhadores da saúde de Goiânia devem ser vacinados com urgência

Postado em: 25-01-2021 às 20h00
Prefeitura anunciou 22 mil doses da vacina Oxford/AstraZeneca que tem os profissionais como público alvo | Foto: reprodução

Da Redação

A Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia (SMS) inicia nesta terça-feira (26/1) a aplicação das 22 mil doses da vacina Oxford/AstraZeneca que chegaram ao município no final da manhã desta segunda-feira (25). De acordo com o calendário nacional de vacinação contra a Covid-19, a remessa se destina à vacinação de trabalhadores de saúde que atuam na linha de frente do combate à Covid-19. 

As prioridades previstas nos anexos I e III do Informe Técnico do Ministério da Saúde seguem na seguinte ordem: Hospitais; Unidades de Pronto Atendimento (UPAs): Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu); Sistema Integrado de Atendimento ao Trauma e Emergências (Siate); Unidades Básicas de Saúde (UBSs);  Consultórios/ Laboratórios.

“Recebemos um total de 22 mil doses da vacina Oxford/AstraZeneca e vamos iniciar a aplicação nos trabalhadores que atuam nas unidades de saúde que atendem pessoas com Covid-19, desde o porteiro, recepcionista, pessoal da limpeza até os médicos,” afirma o secretário municipal de Saúde, Durval Pedroso.

Dentro dos grupos prioritários estão os trabalhadores das 81 unidades da Atenção Primária de Goiânia. São aproximadamente 5 mil profissionais que atuam nas  59 Unidades de Saúde da Família (USF) e 22 Centros de Saúde da Família (CSF). Todos serão vacinados esta semana.

A vacina produzida pela Universidade de Oxford em parceria com a empresa sueco-britânica AstraZeneca é armazenada entre +2 e +8°c e mesmo após aberta tem validade de 6 horas,  cada frasco da vacina contém o total de 10 doses. A segunda dose será aplicada em um intervalo de 12 semanas (3 meses). 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar