Cidades

Goiânia é a 9ª capital que mais vacinou contra a Covid-19 no país

Postado em: 04-03-2021 às 11h22
Município tem mais de 108 mil doses aplicadas e começou nova etapa da campanha nesta quinta-feira. | Foto: Paulo José / Secom Goiânia

Da redação

Goiânia começou nesta quinta-feira (4/3) a vacinar pessoas a partir de 77 anos contra a Covid-19, aguardando público aproximado a 5 mil idosos. Com isso, amplia o balanço de vacinação que, até o momento, já tem 108.487 doses aplicadas em apenas quatro semanas. Os números colocam o município em nono lugar entre as capitais que mais vacinaram contra o novo coronavírus no país. O levantamento foi feito de acordo com dados publicados nos canais oficiais da Saúde de cada capital. 

O Plano Estratégico de Vacinação da capital norteia as ações para execução da Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid-19, direcionando o atendimento aos grupos preconizados pelo Ministério da Saúde. Iniciada no final de janeiro deste ano, a aplicação das doses contempla profissionais de saúde e idosos em três grupos específicos – institucionalizados, acamados a partir de 60 anos e pessoas com 77 anos ou mais. 

Desde a primeira remessa, em janeiro, Goiânia recebeu 132.275 doses, entre as vacinas Coronavac, do Instituto Butantã, e AstraZeneca, da Fundação Osvaldo Cruz. A primeira fase da campanha estabeleceu a imunização dos trabalhadores de saúde e idosos residentes em instituições de longa permanência. Destes, 51.632 receberam a primeira dose, enquanto 27.042 receberam o reforço da segunda. A vacinação dos idosos institucionalizados, por exemplo, superou em 8% o público estimado.

Em fevereiro foi anunciado o Plano Municipal de Vacinação contra a Covid-19 para idosos, ampliando a estratificação para pessoas acamadas de 60 anos ou mais, além de pessoas com idade a partir de 85 anos. Mediante o planejamento estratégico e recebimento de novas remessas, Goiânia ampliou as faixas etárias atendidas, chegando 29.813 doses aplicadas. Os números, então, comprovam a eficiência e histórico de sucesso do município em organizar campanhas de vacinação. 

Goiânia possui ainda ampla Rede de Frio com mais de 70 câmaras científicas espalhadas pelas salas de vacinação, além de uma câmara frigorífica de 69 m³ na sede da Secretaria de Saúde (SMS), no Paço Municipal. Tal estrutura faz com que a capital tenha capacidade para receber e distribuir com segurança as doses da vacina contra a Covid-19. 

Segundo  o secretário municipal de Saúde, Durval Pedroso, poucas capitais brasileiras possuem estrutura semelhante à de Goiânia.  "O que nos dá segurança para recebermos as vacinas contra Covid-19 sem risco de perda. Isso nos permite também expertise e capacidade para vacinar grande parte da população em menos de três meses”, destaca. 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar