Cidades

Caiado pede a prefeitos vacinação até nos fins de semana e fim de estoque

Postado em: 08-04-2021 às 10h00
Governador chamou atenção de imunizantes em estoque e falta de registro no painel eletrônico | Foto: reprodução

Nielton Soares

O governador Ronaldo Caiado (DEM) reuniu, na manhã desta quinta-feira (8/4), por videoconferência, com prefeitos e secretários de Saúde dos municípios goianos, para cobrar mais responsabilidade em relação à vacinação. Dentre esses, o fim de estocagem e registro da quantidade de aplicação no painel eletrônico do governo.

“Enquanto vocês tiverem estoque, não tem sábado e nem domingo, nem feriado, nem nada”, cobrou o governador, acerca da aplicação das vacinas. “É muito difícil você imaginar que num país, onde está morrendo quase 4 mil pessoas por dia, e está chegando a óbito uma média de 60 pessoas no Estado de Goiás, você explicar que teve um dia de feriado ou dias como sábado e domingo que não foram feitas (aplicações de vacinas), tendo estoque”, apontou o governador.

Caiado enumerou vários municípios que não estão registrando a aplicação de doses da vacina, indicando que há vacinas em estoque para aplicação. Segundo o governador, o que dá a entender que não está havendo aplicação dos imunizantes.

O chefe do executivo estadual alertou para a falta de vacinas, uma vez que já faltam insumos para a fabricação de novas doses da CoronaVac pelo Butantã, fabricante do imunizante em parceria com laboratório chinês.

Doses de vacinas

Durante a videoconferência, Caiado registrou a chegada de uma carga de 136.350 mil vacinas. Ela chegaram escoltadas por equipes da Polícia Federal (PF) e levadas ao almoxarifado da Secretaria de Saúde de Goiás (SES-GO).

 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar