25 de junho de 2017 - domingo

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Cultura
Bom Gosto
19/04/2017 | 06h00
Festival recebe Arnaldo Antunes e amantes de cervejas artesanais
Em sua 5ª edição, o evento receberá também várias bandas goianas em Pirenópolis (GO)

Bruna Policena

Já em sua quinta edição, o Festival de Cerveja Artesanal Piri Bier espera receber aproximadamente 20 mil amantes da bebida na cidade de Pirenópolis. O festival valoriza a cultura cervejeira artesanal e a infinidade de rótulos produzidos no Brasil, atualmente, com ênfase para a produção regional que leva ingredientes do Cerrado brasileiro em sua composição. O Piri Bier 2017 traz mais de 200 rótulos de cervejas artesanais, apresentadas por mais de 20 expositores entre cervejarias e distribuidoras. Em quatro dias palestras, degustações, atrações e shows, o encerramento conta com a energia de Arnaldo Antunes e seu show A Casa É Sua.

Neste ano, sua praça de eventos – onde é realizada a maior parte da programação – foi montada no tradicional Cavalhódromo (arena voltada à tradicional festa goiana das Cavalhadas) com mais de quatro mil metros quadrados de área expositiva. A expectativa é de que milhares de pessoas prestigiem o festival. Além disso, sommeliers, mestres cervejeiros e degustadores profissionais de renome nacional marcam presença nos quatro dias de evento, comandando palestras gratuitas, abertas à comunidade em geral, e degustações. 

De acordo com o idealizador do festival, Ricardo Trick, o Piri Bier é um festival para exaltar a cultura cervejeira artesanal, mostrando a riqueza e a variedade de rótulos. “Um festival pensado para formar público, para permitir que os degustadores de cerveja tenham contato com as mais variadas formas de se degustar a cerveja. Aqui, você pode bater um papo com o dono da cervejaria e ver como a cerveja é produzida nas brassagens coletivas que promovemos”.

O valor diário da entrada é de R$ 30. Junto ao ingresso, o público recebe uma caneca de acrílico que servirá para as degustações. Dentro do evento, haverá estandes apresentando as produções artesanais e seus respectivos valores para consumo. Será possível comprar a cada 100 ml de cerveja –  para agradar quem quer só degustar ou encher a caneca com a cerveja preferida. As palestras serão gratuitas, no entanto as degustações em parceria com os restaurantes da cidade serão itinerantes, feitas nos respectivos estabelecimentos, com valores variados para a entrada. As outras atrações estão incluídas no valor da entrada.

Novidades

Para esta edição, é esperado um público bem maior do que nos anos passados, além das novas parcerias que enriquecerão o cardápio de degustações. “O festival está crescendo, a cada ano, em número de cervejas representadas, de público e de atrações. Nosso objetivo é permitir uma experiência completa e divertida para quem vem nos prestigiar”, ressalta Ricardo.

Neste ano, o Piri Bier inova ao lançar a primeira Copa Piri Bier de cervejas caseiras. O concurso vai selecionar a melhor receita de cerveja caseira para ser produzida em larga escala e ser transformada na cerveja oficial do próximo festival. Além disso, a Agrária, maior maltaria do Brasil, vai distribuir R$ 2mil em produtos às melhores iniciativas. Os destaques da Copa serão revelados durante o festival.

A Univesidade Estadual de Goiás (UEG) vai montar um verdadeiro laboratório da cerveja, dentro do festival, onde serão produzidos, ao vivo, exemplares da bebida, sob a condução dos mestres cervejeiros presentes, alunos de gastronomia da instituição e do público em geral – uma oportunidade única de se ver como é feita a bebida.

Degustações

Uma das metas do Piri Bier é contribuir para a formação do público apreciador da cerveja artesanal, absorvendo todas as suas possibilidades. Portanto traz para o evento grandes nomes do cenário cervejeiro para promover um verdadeiro intercâmbio de conhecimento sobre as infinitas possibilidades de se degustar e harmonizar a cerveja artesanal. As degustações serão feitas em parceria com restaurantes, e para apreciar é preciso fazer sua inscrição – há valores variados, e a entrada é paga. 

Na sexta e no sábado, serão oferecidas degustações harmonizadas, conduzidas por esses profissionais, abordando diferentes aspectos da gastronomia. A colunista do jornal Estado de S.Paulo e sommelier de cervejas Carolina Oda comanda almoço japonês harmonizado com cervejas artesanais, na sexta-feira (21), às 13h, no Restaurante Hai kai.  Às 15h, o especialista em cervejas e consultor da revista Gula, Raimundo Padilha, juntamente com Sthefan Gaehwiler, da Queijaria Alpina, apresentam a harmonização ideal de cervejas com os queijos finos regionais e quitutes regionais criados pela chef Saforah.

No sábado (22), Raimundo Padilha explora as combinações de cervejas artesanais com a comida tradicional pirenopolina, servida na Fazenda Babilônia, às 13h. Um trio de mulheres cervejeiras ‘experts’ na bebida – formado por Carolina Oda, Déborah Perigo e Marta Ibañez – vai discutir as combinações de cervejas para mulheres, no restaurante Ei Ou, às 18h, no sábado.

A Cerveja Colombina também marca presença, com estande próprio, na arena de eventos do Piri Bier. E, no comando de brassagem coletiva promovida como uma das atrações do festival, também organizou um Circuito Gastronômico envolvendo os principais restaurantes, pubs e cafés que representam a marca goiana. Chefs foram convidados a elaborarem um prato para compor o cardápio e integrarem o Circuito Gastronômico. Cada prato foi pensado para harmonizar perfeitamente com um dos dez estilos produzidos hoje pela Cerveja Colombina.

Atrações

Várias atrações serão oferecidas para entreter o público – como tiro ao alvo e arco e flecha. Uma arena será montada para receber lutas de muay thai promovidas por lutadores profissionais. Serão dois combates por noite, após o show, para encerrar a programação com pura adrenalina. Além disso, as crianças contarão com um espaço kids ,elaborado especialmente para recebê-las até as 20h, com monitores e diversas atrações como video game, jogos em geral e guloseimas.

A abertura do festival será com DJs Delano e Pablo Kossa na quinta-feira (20). Os shows ficam por conta da Banda On The rocks, na sexta-feira (21), e a conhecida banda goiana Venosa no sábado (22). O encerramento, no domingo (23), será comandado por Arnaldo Antunes, com seu show A Casa É Sua, que revisita a memória musical do artista, apresentando suas músicas mais conhecidas com novos arranjos. O repertório terá músicas como Não Vou Me Adaptar, O Pulso, Alegria, Essa Mulher e Muito Muito Pouco – além da música que dá o título ao show, A Casa É Sua. 

Bebeu? Vá de ‘Day Use Piri Bier’! 

Neste ano, o festival criou o Day Use Piri Bier, uma forma de levar o público que não poderá ficar hospedado em Pirenópolis durante os quatro dias de evento, e trazê-los de volta em segurança, no mesmo dia, mas permitindo que usufruam de todas as atividades. Durante os quatro dias do evento, ônibus superluxo sairão de Goiânia e de Brasília, pela manhã, e só retornaram no fim das últimas lutas da noite. Assim, é possível que o público possa degustar, em segurança, as cervejas, sem se preocupar em pegar a estrada na volta. O ônibus partirá diariamente da Praça Cívica, no Centro de Goiânia, e da Torre de Tevê, em Brasília. 

SERVIÇO:

Piri Bier 2017

Quando: de 20 a 23 de abril

Onde: Cavalhódromo de Pirenópolis

Horários:

Quinta-feira (20 de abril): das 17h às 3h

Sexta e sábado (21 e 22 de abril): das 14h às 3h

Domingo (23 de abril): das 11h às 20h

Entrada: R$30 (por dia)

Reservas ‘Day Use Piri Bier’: (62) 3213-4343

Programação completa: www.piribier.com.br/programacao 

Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)