14 de dezembro de 2017 - quinta-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Cultura
Destaque
11/10/2017 | 19h00
Violinista goiano vai participar de festival na Rússia
Violinista da Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás é selecionado entre 80 alunos para participar de Festival da Música, em Moscou

O aluno Cleone Goulart tem, de 19 anos, foi selecionado entre 80 alunos para participar do projeto “Músicos goianos pelo mundo”, realizado em parceria com o Instituto Érica Vilela. Cleone deve se apresentar na abertura do Festival de Música de Moscou, na Rússia, de 13 a 19 de outubro. O concerto será exibido em forma de recital, ao piano e violino.

Desde 2012 na orquestra, o violinista disse que se apresentar num dos maiores centros de músicas clássicas da Europa é a realização de um sonho. “Vou aproveitar cada momento desta oportunidade única, pois será maravilhoso para mim representar a Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás e o estado de Goiás no exterior”, disse.

Cleone tocou violino pela primeira vez aos 6 anos de idade na igreja. “Foi um amor à primeira vista. Eu via pessoas tocando e ficava fascinado com o som do instrumento. Comecei a tocar e não parei mais”. Agradeceu ao seu professor do Basileu França, que o emprestou um violino diferenciado. Violino este que proporcionou com que ele aperfeiçoasse suas técnicas.

A Turnê Rússia 2017 vai oferecer diversos concertos focados na Música Brasileira In Concert. As apresentações vão acontecer no Palácio Kaulius, em Moscou, no dia 13 de outubro, às 19 horas e, também, no Palácio Sheremetv, em São Petersburgo, no dia 19 de outubro, às 19 horas. 

Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)