14 de novembro de 2018 - quarta-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Cultura
MODA
05/10/2018 | 06h00
Roupas atemporais compõem guarda-roupa feminino
Confira dicas de peças ‘curingas’, como o ‘pretinho básico’, que podem ser usadas diante de situações inesperadas

GABRIELLA STARNECK

ESPECIAL PARA O HOJE

Você foi convidada para um evento de última hora e não sabe qual look vestir? Não se preocupe! O Essência traz dicas de peças ‘curingas’ que não podem faltar no seu guarda-roupa. Assim, diante de situações inesperadas, você conseguirá com mais facilidade driblar o problema, evitar estresses e ainda estar bem-vestida e adequada para situação que surgir. Mas, para isso, é necessário estar atenta na hora das compras. Peças neutras costumam ser a melhor opções na hora em que bate o desespero.

A consultora de imagem e estilo pessoal Clau Oliveira afirma que existem peças ideais para serem usadas na hora do desespero. Contudo ela ressalta uma informação importante que muitas vezes acaba ficando de lado: “É claro que existem roupas-chave, mas é bom ressaltar que cada um tem seu estilo. Então às vezes uma peça, por mais que seja considerada ‘curinga’, não cabe no guarda-roupa de uma pessoa, porque pode não se enquadrar ao seu estilo, então não adianta comprar”, destaca Clau ao Essência. 

Moda atemporal

Existe uma infinidade de peças curingas que podem ser usadas em qualquer ocasião. A consultora de imagem e estilo pessoal destaca que é sempre bom ter uma boa camiseta branca, assim como um vestido preto, um blazer, uma calça jeans ou de alfaiataria, e uma boa peça longa e fluida.  A dica é ter roupas neutras para compor o guarda-roupa feminino. As cores mais indicadas são preto, branco e nude. Claro, vai variar de acordo com o estilo pessoal e o biotipo de cada uma. 

Clau explica que a dica por optar por cores mais neutras, na hora de comprar peças curingas, também tem relação com a escolha dos acessórios. Se a pessoa usa uma roupa mais discreta, ela pode usar e abusar de acessórios coloridos, que chamam atenção para o look. É muito mais fácil compor um look – na hora do desespero –, com roupas neutras e lisas, do que com peças estampadas e com cores mais vibrantes.

Acessórios 

Outra coisa que é atemporal– e que Clau afirma valer a pena investir – são os adereços: “Às vezes, você tem um vestido preto que fica bom com uma rasteirinha, mas, se você coloca um acessório mais arrumado, você pode usar a peça para ir a uma festa”.  Outra recomendação que a consultora dá é ter bons lenços, porque esse tipo de adereço pode ser usado, em dias mais fresquinhos, para diminuir o impacto do vento, mas também em dias quentes, seja na bolsa, na calça ou até mesmo no cabelo.

Para a consultora de comportamento profissional e de etiqueta social Maria Inês Borges da Silveira, outra dica é ter o clássico da moda: pérolas. Sinal de delicadeza, elegância e feminilidade, as pérolas desempenham um múltiplo papel para compor um traje, podendo ser usadas com roupas de gêneros esporte, esporte fino, passeio, passeio completo e rigor, e, quando usada da maneira correta, traz charme e sofisticação para qualquer look. “Tudo vai depender da composição do seu look, da ocasião, da quantidade de voltas no colar, do fecho e do tipo de pérola”, afirma consultora. Colares com fechos simples podem ser usados em trajes esporte-fino e passeio. E, os com fechos diferenciados, com uma ou mais voltas, Maria Inês aconselha usar em eventos noturnos.

Importância 

A consultora explica a importância de um look atemporal para construção da imagem pessoal do indivíduo: “É fundamental, porque, mesmo que você esteja na correria do dia a dia, vai poder se adequar para estar bem-vestida. Além disso, a pessoa também não vai cair no desespero de não saber o que usar em uma situação de emergência. Até porque, se pararmos para pensar, na hora em que temos que comprar um look, de última hora, dificilmente achamos algo que nos agrade.

Também é importante se atentar para carreira profissional, porque cada ambiente exige determinado tipo de roupa, a depender do estilo de cada um, como Clau afirma. Maria Inês compartilha da mesma visão ao defender que o look deve combinar com o estilo, personalidade e tipo físico de cada uma: “O importante é construir uma imagem que faça a diferença e nos dê segurança”.

Confira cinco dicas de Maria Inês:

1.      Paschiminas (mantas de lã) – agasalho para qualquer hora, com brilho ou sem, de lã ou seda, com franjas ou clássicas são sempre elegantes. Além de ser uma ótima peça para carregar na bolsa ou no carro ou mesmo para ser usada naqueles dias em que o tempo esfria e pega todos desprevenidos.

2.  Camisas – combinam com quase tudo: calça clássica, alfaiataria ou moderna, jeans, saias, shorts e bermudas. O importante é observar as cores, na hora da escolha, para que o conjunto fique harmonioso.

3.  Blazer – clássico, elegante e prático, veste com jeans, saia reta ou lápis, calças compridas e vestidos. Se forem de cores sóbria/neutra, combinam com tudo.

4.  Terno preto com calça ou saia – outro clássico atemporal, ideal para encontros, reuniões de negócios e empresariais.

5. Vestido – sóbrio, de qualquer cor e com comprimento no joelho, ou o famoso ‘pretinho básico’. Peça-chave para jantares, formaturas e solenidades. Pode ser usado com casaquinho ou não. Uma boa dica é apostar nos acessórios para compor o look, mas sem exageros. 

Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)