Segunda-feira, 21 de outubro de 2019
GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

Cultura

Filósofo Luiz Felipe Pondé ministra palestra na Vitrine do Conhecimento, em Goiânia

Postado em: 26-06-2019 às 06h00
Ideia e a filosofia de Pondé se baseiam num ‘pessimismo’, na valorização das tradições religiosas ocidentais e no combate ao pensamento politicamente correto

Guilherme Melo

Com foco no conhecimento pessoal, o filósofo e escritor Luiz Felipe Pondé ministra a palestra Os Desafios da Mudança, nesta quarta-feira (26), às 19h30, no deck sul 1 do Flamboyant Shopping Center. 

Segundo o filósofo, o autoconhecimento é uma das maiores descobertas do ser humano. “Podemos dizer que ‘se conhecer’ é um processo libertador. Assim, de certa forma, conseguimos ser menos infeliz e ter mais propriedade de escolha nas ações da nossa vida. O autoconhecimento é o pontapé inicial para as mudanças”, explica Pondé em entrevista ao Essência.

A ideia e a filosofia de Pondé se baseiam num ‘pessimismo’, na valorização das tradições religiosas ocidentais e no combate ao pensamento politicamente correto nos meios universitários. “Penso que o importante é mostrar o processo de transformação por meio das causas históricas e materiais, e não dar dicas sobre mudanças de hábitos. Até porque não acredito que as dicas sejam viáveis para todos”, explica o palestrante. 

Pondé estabelece uma reflexão sobre a sociedade atual, e, segundo ele, a grande preocupação é a busca eterna pela felicidade. “Estamos muito ocupados com a procura de uma de formula do ser feliz, sempre criando expectativa. Quero causar a reflexão sobre o comportamento atual. Por exemplo, acho que devemos parar de mentir. Quando falamos que a juventude está mais evoluída, é bem resolvida sexualmente, é tudo enganação”, afirma. 

O filósofo revela que não tem como objetivo chegar a uma solução para esses problemas, mas induzir a reflexão ao público. “Acho que cada pessoa consegue desenvolver sua própria ‘técnica’ para a solucionar os problemas da vida, e isso só acontece graças ao autoconhecimento”, reafirma. 

Biografia 

Luiz Felipe Cerqueira e Silva Pondé (1959) nasceu na cidade do Recife (PE). Graduou-se em Medicina na Universidade Federal da Bahia (UFBA). Cursou Filosofia na Universidade de São Paulo (USP) e fez doutorado, na mesma instituição, em parceria com a Université Paris 8, em Saint-Denis, na França. É pós-doutor pela Universidade de Tel Aviv, em Israel. Atualmente, Pondé é professor da Faap e da PUC de São Paulo, e assina uma coluna na Folha de S.Paulo, onde aborda temas como comportamento, religião e ciências.

O filósofo é autor das obras: O Homem Insuficiente: Comentários de Psicologia Pascaliana (2001), Crítica e Profecia: Filosofia da Religião em Dostoiévski (2003); Conhecimento na Desgraça: Ensaio da Epistemologia Pascaliana (2004); Do Pensamento no Deserto: Ensaio de Filosofia, Teologia e Literatura (2009); Contra um Mundo Melhor: Ensaios do Afeto (2010) e O Catolicismo Hoje (2011). Pondé publicou o livro Guia Politicamente Incorreto da Filosofia (2012), que entrou para a lista dos livros mais comentados e vendidos. Em 2013, publicou A Filosofia da Adúltera, e, em 2014, A Era do Ressentimento. Este último surgiu por meio da reflexão do autor: “O ressentimento é uma forma de cegueira espiritual”.

(Guilherme Melo é estagiário do jornal O Hoje sob orientação da editora do Essência, Flávia Popov)

 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar