16 de dezembro de 2018 - domingo

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Economia
Mercado
11/03/2018 | 15h15
Implementos têm alta de 61% nas vendas do primeiro bimestre
Tanto o segmento leve quanto o pesado registra volumes maiores na comparação anual

Os emplacamentos de implementos rodoviários continua em trajetória de crescimento: com o fechamento do primeiro bimestre, o setor registrou aumento de 61% das vendas no período na comparação com igual intervalo de 2017, passando de 6,6 mil para 10,6 mil unidades, de acordo com dados divulgados pela Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários (Anfir).

De acordo com o presidente da entidade, Alcides Braga, o resultado obtido pelo setor nos dois primeiros meses do ano reflete a melhora dos negócios em geral: “O fim da recessão de dois anos, apontado pelo IBGE, deve melhorar o ânimo geral da economia reforçando ainda mais essa espiral positiva de resultados”, comenta o executivo.

Tanto o segmento pesado quanto o leve registrou bons números: o de reboques e semirreboques (carretas) encerrou o período com a venda total de pouco mais de 5,1 mil unidades, representando alta de 87,8% no comparativo anual. O de carrocerias sobre chassis distribuiu em torno de 5,5 mil implementos entre janeiro e fevereiro, avanço de 42,1% sobre iguais meses de 2017, quando os emplacamentos não chegaram a 3,9 mil unidades.

O presidente da Anfir destaca que além da reação da economia, alguns fatores podem beneficiar ainda mais o setor neste ano, como o financiamento de 100% do bem pelo BNDES para micro, pequenas e médias empresas e a taxa Selic em seu menor nível que torna o crédito mais atrativo e traz de volta o CDC como mais uma opção de clientes do setor. 

“Trata-se de uma linha de crédito mais objetiva e interessante para as instituições financeiras e sua volta como opção significa na prática mais oferta de crédito ao mercado”, conclui Braga. 

(Automotive Business)

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)