25 de junho de 2017 - domingo

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Esporte
Figueirense
17/02/2017 | 06h00
Márcio Goiano assume comando do time
Ele substitui Marquinhos Santos, que se desligou do Figueirense após a derrota para o Rio Branco

Felipe Bonfim

 O cargo de técnico do Figueirense ficou vago por menos de oito horas. Márcio Goiano assumiu o comando da equipe na manhã de ontem. Ele substitui Marquinhos Santos, substituído após a derrota para o Rio Branco-AC, por 1 a 0, na última quarta-feira, que resultou na eliminação do clube catarinense na Copa do Brasil ainda na primeira fase.

Goiano chega para a sua terceira passagem pelo Figueira. Em 2010, ele ajudou o time a conquistar o acesso à elite do futebol nacional. Foram 64 jogos e 32 vitórias conquistados. Acabou demitido durante o campeonato estadual na temporada seguinte.

Retornou dois anos depois, em 2012, mas sem o mesmo sucesso. Foram apenas 14 partidas, com quatro vitórias, três empates e sete derrotas. Márcio não trabalha desde julho, quando foi demitido pela Aparecidense.

O atual treinador também tem história com o Furacão dentro dos gramados. Ex-zagueiro, ele vestiu a camisa do time entre 2002 e 2004. Ele encerrou a carreira em 2006, pelo rival Avaí.

Além da eliminação precoce na Copa do Brasil, o Figueirense enfrenta também dificuldades no Campeonato Catarinense. O clube soma apenas sete pontos em cinco jogos e ocupa o quarto lugar na tabela de classificação. 

Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)