15 de agosto de 2018 - quarta-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Esporte
Futebol
10/05/2018 | 16h00
Médico da seleção chega a Paris para examinar Dani Alves e Neymar
A convocação para a Copa do Mundo será divulgada na próxima segunda-feira. Além disso, haverá uma reunião com o departamento médico do Paris Saint-Germain para estreitar as informações e evitar ruídos

O médico da seleção brasileira, Rodrigo Lasmar, desembarcou na manhã de hoje (10) em Paris na França, para examinar pessoalmente a recuperação de Daniel Alves e Neymar, ambos do Paris Saint-Germain. Os planos da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) são de acompanhar de perto a situação dos jogadores para, só então, encaminhar o diagnóstico para a comissão técnica comandada por Tite.

Lasmar foi direto para o CT do clube francês na companhia de Edu Gaspar, coordenador de seleções da CBF. Por coincidência, a viagem para a capital francesa já estava prevista para acompanhar a reta final da recuperação de Neymar, que fraturou o quinto metatarso do pé direito há três meses. Mas, agora, se estenderá também ao caso do lateral-direito.

A convocação para a Copa do Mundo será divulgada na próxima segunda-feira. Além disso, haverá uma reunião com o departamento médico do Paris Saint-Germain para estreitar as informações e evitar ruídos, como no caso da lesão de Neymar.

As opções

A lateral direita já tinha uma vaga aberta na convocação da seleção brasileira. Fagner (Corinthians), Danilo (Manchester City) e Rafinha (Bayern de Munique) disputavam o posto de reserva de Daniel Alves. Caso o titular não seja convocado, eles brigarão por duas vagas na lista de segunda-feira.

O veterano tenta disputar sua terceira Copa do Mundo. Ele esteve na África do Sul (2010) e no Brasil (2014), chegando as quartas de final e, posteriormente, à semifinal.

  

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)