23 de outubro de 2018 - terça-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Esporte
Momento
10/08/2018 | 06h00
Goiás recebe CSA com o G-4 como objetivo para reagir na temporada
A perda de posições refletiu os tropeços recentes do alviverde, mas uma vitória contra o vice-líder pode voltar a embalar a equipe

João Afonso é novidade confirmada para o lugar de Gilberto, suspenso por ter sido expulso

Luiz Felipe Mendes*

A sequência decisiva da Série B do Campeonato Brasileiro vai começar para o Goiás. Nos próximos cinco jogos, quatro serão contra adversários diretos na briga pelo G-4, e o primeiro duelo acontece hoje. No Estádio Olímpico, às 19h15, o time recebe o CSA, atual vice-líder da competição, para voltar a reagir na temporada. No momento, o alviverde está em décimo na tabela de classificação, e uma vitória pode alavancar bastante a equipe.

Seguindo a nova linha de pensamento do clube, os ingressos para a partida de logo mais não vão ser vendidos na bilheteria do Estádio Olímpico. Com uma proposta de comercializar os bilhetes apenas antecipadamente, para evitar confusões no local do jogo, o Goiás disponibilizou a venda das entradas no começo da semana, com o preço fixo de R$ 40, com direito à meia-entrada para aqueles que assinalarem o time em aposta da Timemania.

O técnico Ney Franco precisou fazer uma mudança forçada na escalação esmeraldina. O volante Gilberto, o qual renovou com a diretoria nos últimos dias, foi expulso contra o Brasil de Pelotas e cumpre suspensão contra o CSA. João Afonso assume a vaga, sem mistérios. Porém, o mistério ainda atravessa a formação: o treinador não revelou se vai manter o esquema de três zagueiros – Victor Ramos, Edcarlos e David Duarte – ou se vai colocar três atacantes, sacando um deles para pôr Felipe Garcia no setor ofensivo.

A situação atual do Goiás não é tão boa quanto há algumas rodadas. Com 27 pontos, o alviverde foi caindo na tabela e se distanciou do grupo dos quatro melhores, mas está a somente três pontos do Atlético, o quarto colocado. Se vencer, os comandados de Ney Franco pulam momentaneamente para o quinto lugar, se o Coritiba vencer o Sampaio Corrêa, ou quarto, se isso não acontecer. Contudo, no fim de semana os outros adversários diretos do Goiás também jogam, como Figueirense, Guarani e o Atlético. Enquanto isso, o CSA permanece na caça do líder Fortaleza, com três pontos de diferença os separando.

Marcelo Rangel

Ele pode não ser o goleiro titular no momento, mas é inegável que Marcelo Rangel marcou seu nome na história recente do Goiás. Tendo isso em mente, a diretoria alviverde renovou com o atleta até o fim de 2019. Titular no começo da temporada, ele teve vaga cativa durante o Campeonato Goiano e no início da Série B, mas acabou se sentindo mal no clássico contra o Atlético e deixou a equipe. Disputou o Brasileiro de Aspirantes recentemente e agora voltou a integrar o plantel esmeraldino. 

Ficha técnica 

Goiás x CSA 

Local: Estádio Olímpico, hoje, às 19h15, em Goiânia. Árbitro: Igor Junio Benevenuto (Minas Gerais). Assistentes: Felipe Alan Costa de Oliveira (Minas Gerais) e Ricardo Junio de Souza (Minas Gerais) 

Goiás: Marcos; Alex Silva, Victor Ramos, Edcarlos (Felipe Garcia), David Duarte e Ernandes; João Afonso, Giovanni e Renato Cajá; Michael e Lucão. 

Técnico: Ney Franco

CSA: Felipe Garcia; Celsinho, Leandro, Xandão e Rafinha; Yuri, Juan, Didira e Daniel Costa; Taiberson e Alemão

Técnico: Marcelo Cabo 

Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)