Domingo, 15 de setembro de 2019
GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

Esporte

Vila Nova visita o lanterna Guarani com novidades no elenco

Postado em: 16-08-2019 às 13h38
Bruno Mezenga (foto) pode ser titular pela primeira vez com a camisa do clube colorado - Foto: Douglas Monteiro / Vila Nova

Luiz Felipe Mendes

A temporada de 2019 não está sendo o que o torcedor colorado imaginava no começo do ano. O time está na 16ª colocação da Série B, à beira da zona da degola, e precisa de triunfos para não deixar a ameaça ficar ainda maior. Pensando nisso, o Vila Nova encara o Guarani hoje, a partir das 21h30, no Estádio Brinco de Ouro, em partida válida pela 16ª rodada do Brasileirão.

O retorno aos gramados depois da Copa América foi uma verdadeira agitação para o Tigre. No primeiro duelo na volta da competição, derrota para o Atlético Goianiense e demissão do então treinador Eduardo Baptista. Marcelo Cabo chegou como suplente e, desde então, disputou seis confrontos no comando alvirrubro, conseguindo uma vitória, dois empates e três derrotas, sendo que não obteve nenhum resultado positivo em casa. O revés perante o Operário, na rodada passada, foi uma espécie de gota d’água: o diretor de futebol Sidiclei Menezes se demitiu e Hugo Jorge Bravo chegou em seu lugar. Além disso, seis jogadores foram dispensados: Elias, Keké, Hélder, Araújo, Facundo Boné e Alan Carius.

Tudo isso para tentar fazer a equipe reagir no Campeonato Brasileiro. Com 15 pontos, o Vila está com apenas uma unidade a mais que o Vitória, primeiro clube dentro do Z-4. Mas a situação ainda piora: se os goianos perderem, podem até mesmo terminar a rodada na última posição. Para isso, o Vitória precisaria bater o CRB fora de casa, o América Mineiro (14 pontos) ganhar do Cuiabá em seus domínios e o São Bento (13 pontos) vencer o Paraná em casa. Não é um cenário tão improvável, e por isso o Tigre precisa encarar o embate de hoje com o máximo de seriedade e urgência possíveis.

Entre os desfalques, destaca-se a ausência do atacante Mailson, que inclusive foi titular na última partida em Ponta Grossa. O atleta levou uma pancada no joelho justamente no encontro com o Operário, segue com dores e nem viajou com o plantel vilanovense. O seu substituto mais provável é Bruno Mezenga, o qual chegou recentemente ao clube. Alan Mineiro permanece como titular, com uma função mais recuada, enquanto Mateus Anderson volta aos 11 iniciais, colocando Magno no banco de reservas. Depois do jogo de hoje, o Vila volta a campo na terça-feira que vem para medir forças com o Sport. Ao contrário dos últimos compromissos pela Série B, a equipe jogará no Olímpico ao invés do Serra Dourada.

Guarani

Se o panorama colorado é preocupante, o Bugre está mais desesperado. Afundado na lanterna e vindo de uma derrota para o Ponte Preta no Dérbi, o time precisa recuperar o bom futebol depois de ter voltado relativamente bem após a Copa América. O zagueiro Luiz Gustavo projeta uma reação no campeonato. “A gente tem que procurar sempre vencer, sempre somar pontos. Vamos tentar jogar para vencer, tentar impor o nosso ritmo para que a gente possa ganhar e, dependendo dos resultados, sair da última colocação”, analisou.

FICHA TÉCNICA
Guarani x Vila Nova

Data: 16 de agosto, 2019
Local: Estádio Brinco de Ouro, em Campinas-SP
Horário: 21h30 (horário de Brasília)

Árbitro: Vinícius Gomes do Amaral (Rio Grande do Sul)
Assistentes: Leirson Peng Martins (Rio Grande do Sul) e Tiago Augusto Kappes Diel (Rio Grande do Sul)

Guarani: Klever; Bruno Sousa, Luiz Gustavo, Bruno Lima e Thallysson; Ricardinho, Deivid e Igor Henrique; Vitor Feijão, Diego Cardoso e Michel Douglas. Técnico: Roberto Fonseca

Vila Nova: Rafael Santos; Jeferson, Wesley Matos, Diego Jussani e Romário; Joseph, Ramon e Alan Mineiro; Mateus Anderson, Robinho e Bruno Mezenga. Técnico: Marcelo Cabo

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar