Sexta-feira, 29 de maio de 2020
GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

Esporte

Rodrigo desconhece interesse de presidente do PAOK no Fortaleza: "Não se fala disso"

Postado em: 21-05-2020 às 17h00
Lateral-direito está cinco anos na Europa e não descarta voltar ao Brasil – Foto: Assessoria PAOK

Victor Pimenta

Atualmente, o lateral-direito Rodrigo Soares defende as cores do PAOK, da Grécia. O jogador falou recentemente ao canal do youtube 10Centralizados sobre o retorno no campeonato grego, que deve acontecer em meados de junho. Também falou sobre um provável retorno ao futebol brasileiro.

O jogador que é natural de Porangatu, Goiás, foi ainda novo para a Europa, sem ter passado por clubes conhecidos no Brasil. Atuou em equipes paulistas como Atibaia, Barretos e Santo André, além da única equipe goiana na carreira, o Grêmio Anápolis.

Já são cinco anos no futebol europeu, tendo chegado ao Porto em 2015, onde atuou pela equipe B, sendo campeão da segunda divisão portuguesa. Sem oportunidades no time principal, foi repassado ao Chaves e logo depois ao Desportivo Aves, clube o qual se identificou. Foi comprado pelo PAOK, da Grécia na temporada passada, clube que detém o título atual de campeão nacional no país.

Em janeiro deste ano começou boatos que o presidente do PAOK, clube de Rodrigo Soares estaria interessado em investir em um clube da América do Sul e o time que mais chamou a atenção teria sido o Fortaleza, clube comandando atualmente por Rogério Ceni. O magnata russo Ivan Savvidis gostou da paixão do torcedor tricolor, dos quatro mosaicos e da festa na partida diante do Bahia, no Castelão, onde a equipe cearense venceu por 2 a 1.

Então a partir daí, especulou-se de uma provável parceria entra a equipe grega e a equipe brasileira. O empresário russo mandou seus representantes ao Brasil onde se reuniram com o presidente do Fortaleza Marcelo Paz, onde demonstraram vontade de comprar o clube. O lateral-direito que na entrevista disse que pode ser que seja emprestado caso seja a vontade do clube, falou sobre essa notícia.

“Não sei até onde isso é verdade ou não. Pode ser que tenha, ou que não tenha esse interesse, mas aqui não se fala disso. Ninguém nunca chegou a esquentar aquela coisa de vai acontecer. Até porque aqui na Grécia está com muito problema de clubes se colocando uns aos outros na justiça. Muitos problemas rolando aqui e não me parecia que ele ia investir nesse momento aí”, disse Rodrigo Soares.  

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar