Essência

‘Concertos Didáticos para Juventude’ abre temporada 2018 com o vi

Postado em: 24-03-2018 às 06h00
Projeto procura levar ao público diferentes formações musicais com profissionais de excelência

SABRINA MOURA*


Os Concertos Didáticos para Juventude abrem sua temporada 2018, neste domingo (25), às 11h, no Centro Cultural UFG, com o violonista Fabio Zanon. O músico já passou por mais de 50 países, toca constantemente nos maiores festivais ao redor do mundo, e seu repertório inclui mais de 40 concertos com orquestra.

O projeto é coordenado pelas professoras da Escola de Música e Artes Cênicas da Universidade Federal de Goiás (Emac/UFG) Gyovana Carneiro e Ana Flávia Frazão. “Sempre procuramos trazer formações diferentes, não trazemos, por exemplo, só piano ou violão; procuramos diversificar para que o público escute diferentes formações musicais”, conta Gyovana. “Nós também sempre fazemos questão de trazer músicos de excelência, que realmente estão inseridos no cenário nacional e internacional, para que as pessoas que vão pela primeira ao concerto vejam coisa boa e, como consequência, fiquem maravilhados”, completa.

O objetivo principal do projeto é levar jovens que nunca foram a um concerto para as apresentações. Segundo Gyovana, “o diferencial do projeto é a conversa com os jovens, antes de entrar para as salas de concerto, para que eles conheçam a história sobre os intérpretes, os instrumentos, e se sintam mais tranquilos para que possam apreciar de maneira mais segura o espetáculo”.


Fabio Zanon

Um dos artistas brasileiros com maior influência internacional, Zanon explora ao limite o potencial do violão. Seu primeiro contato com a música foi na sua cidade natal (Jundiaí-SP) por meio do pai, um talentoso amador e do professor Antonio Guedes. Mais tarde, ele se formou em música na Universidade de São Paulo (USP), sob orientação e aprendizado dos professores Henrique Pinto e Edelton Gloeden.

Fabio se apresenta novamente no projeto Concertos Didáticos para Juventude. “Já trouxemos o Fabio Zanon, uma vez, e queríamos trazer novamente, pois ele é um músico muito especial, considerado o maior violonista do Brasil. Além de possuir uma carreira internacional, ele é o coordenador artístico do festival de Campos de Jordão, um dos mais expressivos do País”, comenta Gyovana Carneiro.

Zanon também é reconhecido como maestro e, possivelmente, o único violonista que regularmente se apresenta na qualidade de solista (solo) e regente. O violonista de 53 anos mantém parceria com músicos diversos, de violonistas como Yamandu Costa a cantores como Toquinho e Ney Matogrosso.

*Integrante do programa de estágio do jornal O HOJE sob orientação 

da editora Flávia Popov


SERVIÇO

‘Concertos Didáticos para Juventude’

Quando: domingo (25) às 11h

Onde: Centro Cultural UFG (Av. Universitária, nº 1.533, Setor Leste Universitário)

Entrada gratuita 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar