17 de agosto de 2017 - quinta-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Mulheres
Saúde
26/02/2017 | 14h00
“Carnaval requer cuidados com a exposição solar em excesso”, diz dermatologista
No período de folia as pessoas se expõem ao sol com maior intensidade e é preciso cuidados

O câncer de pele é o tipo mais comum de câncer no Brasil e aqui no Centro-Oeste temos alto índice de incidência de raios ultravioletas durante todo o ano. Além do uso diário de protetor solar, é preciso intensificar o cuidado nos feriados e férias, quando as pessoas se expõem com mais frequência porque estão com o dia todo livre. No caso das crianças, segundo a médica dermatologista Paula Azevedo Costa, essa proteção é ainda mais vital porque uma criança que tem uma queimadura solar antes dos cinco anos tem risco aumentado de desenvolver câncer de pele, melanoma ou não melanoma, na sua vida adulta. “É fundamental proteger as crianças a fim de evitar a famosa insolação”, diz a médica.

Alguns truques podem potencializar a proteção da pele. “É preciso usar filtro solar o ano todo, mas nos dias de exposição recomendamos que esse protetor seja aplicado pela manhã ainda sem roupa para fazer a aplicação no corpo todo como se fosse um hidratante. Após vestir roupa, é necessário reaplicar nas áreas expostas a cada duas horas. Uma boa dica são as roupas fabricadas com tecido com proteção UV 50, chapéus, viseiras e luvas. Elas dão proteção uniforme e já existem marcas nacionais com preço mais acessível para adultos, bebês e crianças com temas de super heróis”, explica.

Uma novidade interessante são os chamados fotoprotetores orais, cápsulas com compostos antioxidantes que protege o DNA da célula, evitando os efeitos nocivos que a pele tem ao receber radiação ultravioleta. “Existem opções prontas na farmácia, mas podem ser manipulados. A água termal em spray, rica em sais minerais e que tem função calmante, hidratante e antioxidante também é uma grande ajuda. Depois de deixar na geladeira, é só borrifar no rosto. Para o cabelo, temos produtos disponíveis no mercado que fazem o envelopamento do fio capilar para que ele não sofra tanto com os danos de sol, água do mar ou cloro da piscina”, afirma Paula.

Além das novidades, as dicas de sempre: beber muito líquido, evitar os horários mais prejudiciais entre 10h e 16h, buscar abrigo embaixo de guarda sol, hidratar todo o corpo após o banho no fim do dia e não esquecer índices de ultravioleta aumentam muito entre 10h e 16h, então evitar essa exposição muito intensa nesse período, abrigar embaixo de guarda sol e vale lembrar que a areia reflete a luminosidade de baixo para cima e por isso é preciso estar com proteção no corpo. 

Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)