Domingo, 15 de setembro de 2019
GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

Mulheres

Conheça a primeira mulher indígena a conquistar o doutorado, pela UnB

Postado em: 09-08-2019 às 15h46
Elaine Boronepá, da etnia Umutian se tornou doutora há um mês. Dissertação defendida por ela virou livro

Ingryd Bastos

Com a falta de representatividade indígena e principalmente feminina nas universidades, a indígena Elaine Boronepá, da etnia Umutian é a primeira mulher a conquistar o doutorado em antropologia, pela Universidade de Brasília. Para ela, ocupar o ambiente acadêmico é uma forma de se posicionarem, na política e a favor do movimento indígena.

Ela trabalha como professora  em uma escola  na comunidade Umatian, a cerca de 15 quilômetros de Barra do Bugres, em Mato Grosso, e na tese defendida pela doutora é exatamente sobre cultura indígena na educação escolar. 

Elaine conta que como professora contribui para a educação do seu povo na prática, não só “com uma tese”. Nos ensinamentos, ela mostra às crianças a importância de fortalecer a cultura e os saberes tradicionais, que segundo ela, é a oportunidade que não teve quando criança. 

A professora, agora doutora serve de exemplo e inspiração para o povo conquistar grandes posições, sem ter que deixar de lado a cultura deles. Atualmente, onde Elaine vive moram mais 600 indígenas, de nove etnias diferentes.

A indígena é formada em Ciências Sociais, pela Universidade Estadual do Mato Grosso, é especialista em educação indígena e agora doutora em sustentabilidade indígena, pela Universidade de Brasília. A dissertação final da tese de doutorado defendida por ela virou livro.

 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar