20 de agosto de 2018 - segunda-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Política
Democratas
14/05/2018 | 06h00
MDB de Porangatu apoia pré-candidato Ronaldo Caiado
No último dia 5, Valadares chegou a afirma, durante reunião com Daniel em Porangatu, que havia um “forte sentimento de renovação na região norte de Goiás

Uma semana após declarar apoio à pré-candidatura do deputado federal Daniel Vilela (MDB), ao Governo do Estado, o ex-prefeito de Porangatu, Eronildo Valadares mudou de lado e agora diz que vai apoiar o senador Ronaldo Caiado (Democratas), que também se coloca como pré-candidato.

No último dia 5, Valadares chegou a afirma, durante reunião com Daniel em Porangatu, que havia um “forte sentimento de renovação na região norte de Goiás, e que o parlamentar seria que melhor representava esse desejo. "A população daqui sabe que o governo estadual poderia ter feito mais pelo Norte Goiano, e agora deposita suas esperanças em algo novo e que seja o oposto do que temos hoje. É Daniel quem personifica esse sentimento", disse Valadares.

Já no sábado passado, em encontro promovido por Caiado, também em Porangatu, o ex-prefeito da cidade fez outro discurso. “A gente vê que neste ano está tudo diferente. A base é que está levando o seu líder ao cargo de governador. Senti que em Porangatu a base quer que a gente apoie Ronaldo Caiado ao governo. Por isso tomamos a decisão de acompanhar a nossa base. O povo está querendo essa mudança e a vez é de Ronaldo Caiado”, disse Valadares.

Caiado e comitiva chegaram a ir até a residência de Valadares, e de lá seguiram a pé para a sede do Sindicato Rural. Lá, Valadares reforçou o seu discurso. Disse ter participado de muitas campanhas políticas, mas que nunca tinha visto uma pré-campanha como a do senador. “Temos uma grande dificuldade de ser do MDB hoje porque o nosso presidente (Daniel Vilela) é uma pessoa de bem, mas ainda não é a vez dele para o governo”, pontuou. “O povo quer Caiado e tenho certeza que ele será aclamado governador. Vamos fazer o possível para que possa mudar a história de Goiás”, assegurou Valadares.

Presidente do MDB municipal, a ex-deputada Vanuza Valadares, reforçou o apoio a Caiado. “A percepção das lideranças é que o Norte está abandonado pelo atual governo e que a esperança de mudança é a vitória de Ronaldo Caiado nestas eleições”. Segundo a ex-deputada, os goianos estão em busca de um gestor comprometido com a qualidade de vida dos cidadãos e que escute as suas demandas. “Um bom líder escuta o seu povo. Como políticos, temos a responsabilidade de buscar esse entendimento do que é melhor para cada um. Porangatu e nossa região estão esquecidas há muito tempo. O governo que está aí há 20 anos não tem o coração voltado para nossa região”, disse.

Vanuza afirmou, assim como Ironildo, que há uma sentimento de mudança. “As pessoas hoje não confiam na política. Para poder confiar temos de acreditar. E temos de acreditar em quem tem um passado limpo. Ronaldo Caiado foi candidato em 2014 junto com MDB, que abraçou sua candidatura”, lembrou a ex-parlamentar. “Agora houve a divisão do partido. Isso é muito ruim porque temos dificuldade de abraçar a campanha de outro candidato. Ronaldo Caiado é MDB, tem o coração no MDB”, arrematou.

Em discurso, Caiado agradeceu as manifestações de apoio. “Tenho de dizer meu muito obrigado de coração. Isso que nos anima, nos fortalece e nos dá cada vez mais a sensação de que estamos no caminho certo. Todos vieram de forma espontânea. Isso me deixa muito gratificado”, afirmou.

 

Deputado Rômulo Gouveia morre após infarto fulminante 

O deputado federal e presidente do PSD da Paraíba, Rômulo Gouveia, faleceu na madrugada deste domingo, vítima de um infarto fulminante na cidade de Campina Grande (PB). Gouveia tinha 53 anos de idade, foi vereador de Campina Grande, deputado estadual, presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, vice-governador do estado e deputado federal.

Ele estava internado no Hospital da Santa Clara tratando uma infecção urinária. A assessoria de Gouveia informou que por volta das 2h da madrugada sentiu fortes dores e foi levado ao Hospital Antonio Targino. Durante 30 minutos a equipe médica tentou reanimá-lo mas não teve sucesso.

“Ele recebeu alta na noite deste sábado. Ao sentir os sintomas do infarto, o deputado foi socorrido para o hospital Antônio Targino, mas não resistiu”, informou a assessoria.

Por meio de nota, o presidente do partido de Gouveia, Gilberto Kassab, manifestou pesar pela morte do deputado: “muito triste e chocante a perda de um dos nossos mais queridos homens públicos. O nosso fraterno amigo, com brilhante carreira na vida pública, já deixa saudades.”

O líder do PSD da Câmara, Domingos Neto, também se manifestou. “O PSD perde mais que uma liderança política, perde um membro devoto, fiel à missão de construir um partido com princípios e valores democráticos claros. Já nós, que tivemos a oportunidade de conviver com Rômulo Gouveia, perdemos um amigo”, disse.  (ABr) 

Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)