19 de setembro de 2018 - quarta-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Política
Educação
11/07/2018 | 17h50
Goiás recebe recursos para construção de escolas e creches
Escolas serão construídas em Chapadão, Santa Fé e Bom Jesus de Goiás e, quando concluídas, vão gerar mais de 2 mil vagas. Os municípios de Rio Verde e Itapaci foram contemplados com creches

Senadora Lúcia Vânia. (Foto: Crédito/ Divulgação)

Da Redação

Chapadão, Santa Fé e Bom Jesus de Goiás recebeu um recursos de R$ 11 milhões para a construção de três escolas. Cada unidade vai abrir mais de 700 vagas para o ensino fundamental. O recurso já foi empenhado pelo Ministério da Educação. A senadora goiana, Lúcia Vânia (PSB-GO), que é presidente da Comissão de Educação do Senado, tem trabalhado para a garantia de vagas no ensino público e para o fortalecimento da educação em Goiás. "Precisamos voltar nossas atenções para o investimento na qualidade do ensino e na produção do conhecimento”, disse Lúcia Vânia.

Os projetos foram cadastrados no Plano de Ações Articuladas (PAR). Cada unidade terá 12 salas de aula e modernas instalações com quadra poliesportiva, pátio, bloco administrativo, garantindo a melhoria do ensino público municipal nas três cidades.

“Foi uma série de audiências no Ministério da Educação e no FNDE para garantir a construção das três escolas nos municípios goianos. Como presidente da Comissão de Educação do Senado, acredito que só por meio da educação podemos garantir o futuro que queremos para os nossos jovens e para as nossas crianças”, afirmou.

Creches

Para Itapaci, a senadora destinou R$ 2,3 milhões para a construção de uma creche no Residencial Flamboyant. Também, foram reformadas três creches no município de Rio Verde, em Laranjeiras, Nilson Veloso e Moreira Ataídes, totalizando  um valor de R$ 7.121.254,71. 

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)