17 de outubro de 2018 - quarta-feira

Euro R$ {{cotacao.valores.EUR.valor| number:3}}    Dólar R$ {{cotacao.valores.USD.valor | number:3}}
{{tempo.cidade}}
{{tempo.previsoes[0].temperatura_min}}° MIN {{tempo.previsoes[0].temperatura_max}}° MÁX
Ser Do Bem
Drama
06/03/2018 | 06h00
Time promove campanha de doação de sangue para ajudar jogadora
A equipe de futebol feminino da capital que negocia uma parceria com o Atlético para esta temporada

A diretoria do Atlético Clube Goianiense e o elenco abraçaram o drama que vive a jogadora de futebol feminino do Aliança FC, Kleane Alves Gomes, internada há mais de um mês em estado grave na UTI do Hospital Araújo Jorge.

Diagnostica com Leucemia, Kleane Alves, de 19 anos, natural de Araguaína – TO, é jogadora do Aliança GO há quatros anos, equipe de futebol feminino da capital que negocia uma parceria com o Atlético para esta temporada.

De acordo com Maurício Sampaio, presidente do Atlético Goianiense, a unidade móvel do Hemocentro estará no Centro de Treinamentos do clube, recebendo doações dos torcedores do Atlético e doadores que buscam contribuir com a campanha, nesta terça-feira (06). “A Kleane precisa de muitas plaquetas e plasma. O Atlético desenvolveu a iniciativa de buscar doadores, com o objetivo de salvar vidas.”

Segundo Sampaio, a ação envolve a família da desportista, Aliança FC, todos os membros da diretoria, jogadores, comissão técnica, funcionários do clube, imprensa e torcedores do Atlético. “A diretoria e todos os envolvidos estão empenhados! Esperamos conseguir muitas bolsas de sangue!”

Maurício Sampaio afirmou que os 120 primeiros doadores irão ganhar um ingresso para o clássico contra o Goiás, no Estádio Serra Dourada, no próximo domingo (11). Com passagem pela Seleção Brasileira sub-20, em 2017, a goleira Kleane sentiu mal no final de 2017, quando procurou tratamento médico. O Aliança disputa a Séria A2 do Campeonato Brasileiro Feminino. 

Tópicos:

Comentário

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
(62) 3095-8700 / 3095-8722 (dp. comercial)