Quarta-feira, 28 de outubro de 2020
GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

Xadrez

MP recorre de decisão de desembargador que favorece padre Robson

Postado em: 13-10-2020 às 06h00
Para promotores, decisão é uma tentativa de criar obstáculos às investigações - Foto: Reprodução

Venceslau Pimentel

Enquanto o Ministério Público se prepara para recorrer da decisão do Tribunal de Justiça, após a 1ª Câmara Criminal seguir o voto do desembargador Nicomedes Borges, pelo trancamento da ação penal contra o Padre Robson, alvo da Operação Vendilhões, a reação continua. Para o promotor de Justiça Sandro Henrique Barros, que não escondeu a sua indignação e perplexidade diante do fato, assim como o promotor Sebastião Marcos Martins, que conduziu o processo investigativo, há tentativa de se criar obstáculo às investigações, a partir do relatório de Nicomedes Borges. Ele foi nomeado desembargador pelo ex-governador Marconi Perillo, em 2013, para ocupar vaga do Quinto Constitucional, por indicação da OAB. 

Obscuro 

Sentindo que o MP foi alijado do processo, no TJ, o procurador-geral de Justiça, Aylton Vechi, saiu em defesa do órgão que comanda, por estranhar a decisão de Nicomedes. 

Habeas corpus 

Vechi sustenta que é clara a existência de prática criminosa na gestão das Afipes, comandadas pelo religioso, que foi afastado pela Igreja Católica de todas as suas funções sacerdotais. 

Doações  

Doze dias após o início da propaganda eleitoral, os três candidatos a prefeito de Goiânia que estão mais bem posicionados nas pesquisas de intenção de voto já arrecadaram, por meio de doações, mais de R$ 1 milhão, conforme registro até o dia 9 de outubro, junto ao TSE. 

Na frente 

O prefeitável do MDB, Maguito Vilela, recebeu R$ 620 mil do diretório nacional do partido; em seguida vem a Delegada Adriana Accorsi, com 390 mil, também vindo do PT nacional.  

Próprio bolso 

Já Vanderlan Cardoso (PSD), que lidera todas as pesquisas, registrou R$ 50 mil, de recursos próprios. O trio estipulou como limite legal de gastos, no primeiro turno, a quantia de R$ 6.474.133,61. 

 

Tô fora! 

Desapontado com a falta de apoio partidário, o pepista Vinícius Luz, que desistiu da reeleição, vem sendo procurado por candidatos que buscam sucedê-lo, em Jataí. Ele segue neutro no processo, deixando de apoiar Flaviane Scopel, que tem o PP na sua coligação. 

 

Prende-solta 

Na disputa entre os ministros Marco Aurélio e Luiz Fux o deputado federal José Nelto fica com o presidente do STF, que mandou prender novamente o traficante André do Rap. “Fux é a esperança do Brasil”, diz Nelto. 

 

Silêncio  

Eleitores de Alto Paraíso cobram manifestação dos quatro candidatos a prefeito contra declaração do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, que chamou de maconheiros os que se manifestaram contra o uso de retardante de fogo jogado na Chapada dos Veadeiros. 

  

Carimbado  

A Lei Orçamentária da prefeitura de Goiânia ainda tramita na Câmara de vereadores, mas já foi baixado um decreto, por Iris Rezende, regulamentando que 1,2% da receita de 2021 será empregado na execução das emendas dos 35 vereadores.   

 

 

CURTAS 

- Nesta terça-feira, às 8h30, Ronaldo Caiado vai ao complexo das Delegacias Especializadas da Polícia Civil de Goiás, que fica no bairro Cidade Jardim, na companhia de Rodney Miranda e Odair José Soares. 

 - A prática de contratação de parentes por partidos políticos pode ser proibida por força de lei, como prevê projeto que tramita na Câmara dos Deputados.  

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar