Coluna

Agenda de Lincoln Tejota com vereadores visa retorno à Alego em 2022

Publicado por: Venceslau Pimentel | Postado em: 24 de dezembro de 2021

Interlocutores do vice-governador Lincoln Tejota (Cidadania) dissociam a agenda dele, de visitas a Câmaras Municipais, com a do governador Ronaldo Caiado (DEM), e que visa tão somente pavimentar o seu retorno à Assembleia Legislativa. Argumentam que Tejota sempre vai ao encontro de vereadores a convite dos mesmos. No entanto, observam que ele só não será candidato se for indicado a um dos Tribunais de Contas. Caso isso ocorra, o conselheiro Sebastião Tejota se aposentará para entrar na disputa por cargo eletivo. Ou seja, o grupo dos Tejota, de toda forma, estará representado no pleito do ano que vem. 

Ponta do lápis 

Ao final do ano legislativo, o grupo do prefeito Gustavo Mendanha (sem partido) contabiliza sinalização de apoio dos deputados Paulo Cézar (MDB), Zé Carapô (DC), Sérgio Bravo (Pros) e Humberto Teófilo (PSL). Outros devem definir em 2022. 

Reforço  

Nas contas da Alego, mais de dois mil servidores, entre comissionados e efetivos, receberão auxílio-alimentação de R$ 1 mil por mês, com impacto na folha de 1,53%, em dezembro. 

Não vingou 

O ano legislativo se encerrou, e a Comissão de Ética não abriu processo contra o deputado Humberto Teófilo (PSL), por eventual quebra de decoro, por conta de vídeos em que sustenta a vedação de redução do ICMS sobre combustíveis. Ficou para 2022. 

Avalista  

Logo após o governo publicar no Diário Oficial o Plano de Recuperação Fiscal, o deputado Major Vitor Hugo (PSL) foi às redes sociais dizer que não havia necessidade de sigilo do documento e que vai analisá-lo com cuidado. 

Pré-Natal 

Em que pese o posicionamento do parlamentar bolsonarista, o governador Ronaldo Caiado (DEM) confirma para hoje a homologação do plano de recuperação fiscal pelo presidente Jair Bolsonaro, em solenidade em Brasília. 

Tá pouco? 

Quem demonstra indignação com a declaração do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, de minimizar urgência de vacinação de crianças, o deputado federal Rubens Otoni (PT) lembra que a cada dois dias morre uma delas por Covid-19. 

Não vingou  

Diante da repercussão negativa sobre a criação de mais quatro vagas de vereador, a Câmara de Goiânia, até segunda ordem, enterrou a proposta, principalmente depois que ninguém assumiu a paternidade do projeto de lei.  

Gestora  

Ronaldo Caiado delegou a secretária da Economia, Cristiane Schmidt, para coordenar o processo seletivo para a escolha de entidade fechada de previdência complementar para atuar como gestora do plano de benefícios previdenciários complementares dos servidores públicos estaduais. 

CURTAS 

– O Executivo sancionou lei que concede cidadania goiana para o ministro da Milton Ribeiro, que disse que crianças com deficiência são de difícil convivência e que universidades devem ser para poucos. A autoria é do deputado Coronel Adailton (PP).

Compartilhe: