Coluna

Base de Iris Rezende pressiona para agilizar plano diretor

Publicado por: Sheyla Sousa | Postado em: 06 de setembro de 2019

Não apenas o presidente da Câmara Municipal de Goiânia,
vereador Romário Policarpo (Patriota), mas a base do prefeito Iris Rezende
(MDB) também trabalha com todas as ferramentas regimentais para evitar atrasos
desnecessários na tramitação do projeto de atualização do Plano Diretor. O
líder do prefeito na Casa, Oséias Varão (sem partido) confirma à Coluna que o
debate sobre o texto é importante, mas que tem discordado de encaminhamentos da
relatora na CCJ, a opositora Cristina Lopes (PSDB), como o pedido por 15 dias
adicionais para que um parecer da procuradoria fosse emitido. “A relatora tem
liberdade para tomar decisões, mas eu não concordo. Na verdade, já existe
maioria formada na Casa, inclusive com o apoio do presidente, para que a gente
empreenda todos os esforços necessários para cumprir o cronograma previsto. Ela
fará o trabalho dela, mas se os 15 dias forem excedidos, temos maioria para
avocar o projeto”, define o líder do prefeito.

Na hora

Pelo cronograma definido pela presidência da Câmara
Municipal em conjunto com o Paço, a votação do relatório final na Comissão de
Constituição e Justiça está prevista para ocorrer nesta quarta-feira (11). A
ver.

Convencimento

Além dos prazos para votação final ainda neste ano, o líder
da base aponta que terá “relativa tranquilidade” para realizar o debate com os
aliados a Iris Rezende. No entanto, não descarta mudanças no projeto.

‘Correções’

“O plano veio proposto pelo Executivo, mas não existe da
nossa parte compromisso com o erro. Estamos sempre abertos à possibilidade de
melhorar”, admite.

Intercâmbio

O secretário da
Casa Civil, Anderson Máximo, atendeu convite do secretário de Governança e
Gestão Estratégica do Rio Grande do Sul, Claudio Gastal, e participou de
encontros e reuniões em Porto Alegre.

Objeto

O auxiliar de Caiado é servidor de carreira do estado e
buscou informações sobre a Desburocratização e Simplificação Legislativa
realizada pela administração gaúcha.

Poderes

O programa é parte de uma parceria inédita com o Sebrae, que
já é replicada em Goiás e prevê a formatação de um conselho, com estado,
Ministério Público e sociedade civil para elaborar propostas.

Equilíbrio

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, defendeu em
Goiânia que Ministério Público tenha garantias para que cada um de seus membros
“atue sem ameaças veladas”, em referência à Lei de Abuso de Autoridade.

Institucional

Para a goiana, que deixa a chefia do MPF no próximo dia 17,
a lei, mesmo com os vetos, “inibe o regular funcionamento das instituições do
sistema de Justiça, que já dispõem de meios para controlar excessos e abusos”.

CURTAS

– Policarpo apresentou projeto que proíbe fumar cigarros e
narguilés em parques, praças, pontos e terminais de ônibus. 

– Iniciativa dos federais Elias Vaz (PSB) e Glaustin Fokus
(PSC) resulta em audiência sobre Reforma Tributária em Goiânia.

– A Comissão Especial realiza seminário sobre o
tema no dia 16, às 14 horas, no SESC Cidadania. 

Compartilhe: