Segunda-feira, 15 de julho de 2024

Coluna

Eleição acirrada em Goiânia torna resultado das urnas imprevisível

Publicado por: Sheyla Sousa | Postado em: 14 de novembro de 2020

Venceslau Pimentel 

Na eleição mais disputada desde 2000, e num cenário atípico
e imprevisível, por conta da pandemia do novo Coronavírus – fato que levou ao
adiamento do pleito, e pela internação de Maguito Vilela, no meio da campanha,
acometido pela Covid-19 – a pesquisa Foxmappin aponta liderança do emedebista e
mostra empate técnico entre Vanderlan Cardoso e Adriana Accorsi (PT), com
vantagem para o prefeitável pessedista. A decisão de quem irá para o segundo
turno está nas mãos dos 971.221 eleitores goianienses que vão às urnas neste
domingo (15). O resultado deve ser divulgado pelo Tribunal Regional Eleitoral
perto das 20 horas. 

À sombra 

Continua após a publicidade

Outros 13 partidos estão no páreo, entre eles o PSDB, que
traz em seu currículo um vazio de poder na Capital que vem desde a vitória de
Nion Albernaz, em 1996. De lá para cá ficou como legenda coadjuvante. 

Hegemonia 

Das eleições de 2000 até agora, o MDB e o PT se revezaram no
comando do Palácio das Campinas, com praticamente tempo igual de mandatos, com
os petistas Pedro Wilson e Paulo Garcia, e o emedebista Iris Rezende.  

Pela TV 

Acamado, Maguito vai acompanhar a votação e apuração de
votos da eleição em Goiânia de um hospital na Capital paulista, na companhia de
familiares. A coletiva com o vice Rogério cruz será às 19h30, no AlphaPark
Hotel.

Escolta 

Vanderlan vota às 10 horas, no colégio estadual Novo Mundo,
acompanha da esposa Izaura Cardoso, do vice Wilder Morais, do governador
Ronaldo Caiado e de Gracinha Caiado. Após o resultado, de casa ele segue ao
comitê central para conceder entrevista.

Sem aglomerar 

Animada com os números da pesquisa Foxmappin, Adriana, filha
do ex-prefeito Darci Accorsi, vota às 10 horas, no Setor Jaó, com entrevista
após a apuração, talvez por via remota. 

Vestibular 

Considerando dados oficiais do Tribunal Regional Eleitoral,
cada uma das 35 cadeiras na Câmara de Goiânia será disputada por 30 candidatos
a vereador. Mas 13 renunciaram e 19 tiveram o registro de suas candidaturas
indeferido.

Ato ilegal 

A duplicação de trecho de rodovia entre Morrinhos e Caldas
Novas, sem licitação, no valor de R$ 83 milhões, vai resultar em multa de 10%
desse valor ao ex-presidente da Agetop, Jayme Rincón, e ao ex-diretor do órgão,
Antônio Porto, aplicada pelo Tribunal de Contas do Estado. 

Ver de perto 

O presidente do TSE, Luís Roberto Barroso, vai a Valparaíso
de Goiás neste domingo, para ver de perto demonstrações de novas tecnologias
para o voto, dentro do projeto Eleições do Futuro. 

CURTAS 

– Dados do TRE apontam que 881 candidatos vão disputar
prefeituras em Goiás e 23.142 querem chegar às Câmaras Municipais. 

– Um fato que serve de alerta é que os analfabetos que estão
aptos a votar são 133.064 pessoas, ou 2,89% do eleitorado do Estado.