Coluna

José Nelto deve coordenar campanha de Moro em Goiás

Publicado por: Venceslau Pimentel | Postado em: 03 de novembro de 2021

Com a filiação do ex-juiz Sérgio Moro, ao Podemos, confirmada para o dia 10 de novembro, o deputado federal José Nelto, que preside a legenda em Goiás, disse à coluna que pode coordenar a campanha presidencial do ex-ministro de Jair Bolsonaro no Estado. A expectativa do parlamentar é a de que Moro se consolide como opção entre Bolsonaro e Lula, conforme se desenha o cenário para 2022. Mas vale lembrar que estão no páreo, como terceira via, João Doria, caso vença disputa no PSDB contra Eduardo Leite, além do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD), e o apresentador Luz Datena, que vai se filiar ao PSD de Gilberto Kassab e de Vilmar Rocha, que preside a legenda em Goiás. 

Lançamento  

O partido Novo, que em Goiás é presidido por Adriano Sarmento, se movimenta para o lançamento da pré-candidatura à Presidência da República, Felipe d’Avila. O evento acontece nesta quarta-feira, em Brasília. 

Mudança  

Por decreto, o governador Ronaldo Caiado institui diretrizes para o credenciamento pelo Detran, de entidades, médicos e psicólogos, com normas e vedações, para a realização de exames de aptidão física e mental e avaliação psicológica de candidatos à obtenção da carteira de motorista. 

Em vigor 

Já entrou em vigor a lei que autoriza a criação de mais três juntas administrativas na Goinfra, e que também permite a contratação, na Emater, de profissionais veterinários, agrônomos, técnicos agrícolas e zootecnistas, sendo comprovada a necessidade temporária. 

Agenda dupla 

Uma semana após tomar posse na Secretaria da Indústria e Comércio, Joel Sant’Anna Braga passou a ter a companhia do irmão, Alexandre Baldy, presidente do PP em Goiás, em agenda oficial. Foi o caso de Águas Lindas. 

Empate  

Apesar da declaração de apoio de ex-presidentes do PSDB em Goiás ao governador Eduardo Leite (RS), a estimativa é de empate técnico dele com João Doria (SP) nas prévias do dia 21 de novembro, com 50% cada um. 

Racha  

Enquanto isso, os ex-governadores Marconi Perillo e José Eliton estão em campos opostos. O primeiro, que presidente o PSDB interinamente, apoia João Doria, e Eliton, presidente licenciado, vai de Eduardo Leite. 

Embate  

O candidato a presidente da OAB Goiás, Pedro Paulo de Medeiros, teve que recorrer à Justiça para a instituição fornecer a ele a lista completa dos advogados aptos à votação. A ordem judicial partiu do juiz federal Jesus Crisóstomo de Oliveira. 

Prioridade  

A Lei de Diretrizes Orçamentárias sancionada pelo prefeito Rogério Cruz prevê que 1,2% da receita corrente líquida do município de Goiânia seja destinada para as emendas impositivas dos vereadores, e que 1/5, no mínimo, do valor total aprovado seja destinado a ações e serviços de saúde. 

CURTAS  – Consta da pauta desta quarta-feira, da Câmara de Goiânia, projeto da prefeitura que institui medidas excepcionais para pagamento de débitos junto ao município, dentro da semana de conciliação. 

Compartilhe: