Coluna

Opção por reabrir com protocolo é “dos males, o menor”, afirma Ismael Alexandrino

Publicado por: Sheyla Sousa | Postado em: 16 de junho de 2020

Rubens Salomão

Apesar de considerar que qualquer reabertura de atividades
econômicas em momento de aumento em novos casos possa ter “péssimas
consequências”, o secretário de estado da Saúde, Ismael Alexandrino, prefere
adotar posicionamento realista sobre a proposta apresentada na Câmara de
Goiânia para reabrir praticamente todos os estabelecimentos na Capital. “Na
prática, a população está na rua, o trânsito já está difícil e está tudo
aberto. Essa reabertura seria de discurso ou no documento”, considera o
auxiliar do governador Ronaldo Caiado (DEM). “Eu encaro a realidade sem ficar
só na teoria. Se há uma saturação da população, que não consegue mais ficar
quieta em casa, que pelo menos seja dos males, o menor. Ou seja: que todos
cumpram os protocolos”, avalia Ismael. O secretário reforça todos precisam usar
máscaras, manter a higienização e distanciamento.

Mundo ideal

Além do apontamento prático sobre Goiânia, o secretário estadual
de Saúde aponta que o ideal seria buscar formas de manter a população em casa
para que os índices de isolamento retornem ao patamar de 50%.

Expectativa X
Realidade

“Óbvio que temos que buscar maior isolamento, como aponta o
estudo da UFG, mas, como isso é quase impraticável pela população, que não
consegue mais, pelo menos que se cumpra os protocolos de forma adequada”, diz.

Reação

No Paço Municipal, avaliação sobre proposta de reabertura na
Câmara Municipal é de buscar articulação para que o texto a ser aprovado atenda
“critérios científicos”.

Ação social

A Secretaria de Desenvolvimento Social, de Lúcia Vânia, em
parceria com o Gabinete de Políticas Sociais, de Gracinha Caiado, promove hoje
e amanhã simpósio virtual para discutir ações de fortalecimento no atendimento
à pessoa idosa.

Dentro de casa

“Números recentes demonstram crescimento expressivo de
violência financeira contra a pessoa idosa, que isolada fica ainda mais
vulnerável”, afirma a secretária. Dados do Disque 100 revelam que 80% das violações
ocorrem nos domicílios. 

Retorno parcial

A retomada pela prefeitura de Goiânia dos contratos
temporários, em maioria de professores, prevê possível redução de salários e
jornadas de trabalho, em comparação com as condições anteriores. Texto na Câmara
Municipal.

Reforma válida

O presidente do STF, ministro Dias Toffoli, revogou liminar
do TJGO que suspendia a reforma da Previdência do Estado. A derrubada atendia
ação apresentada pelas associações dos Magistrados (Asmego) e Ministério
Público (AGMP).

Colegiado

A defesa da Asmego informou que vai aguardar o julgamento do
mérito da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) pelo plenário da Suprema
Corte.

CURTAS

– O Fórum Empresarial de Goiás promove às 15h conversa com o
vice-presidente da República, Hamilton Mourão.

– O tema do bate-papo será “Perspectivas do Brasil pós
covid-19”, com foco na retomada de atividades e recuperação do emprego.

– A Escola Superior do Ministério Público realiza hoje
seminário virtual sobre regras para propaganda eleitoral na internet.

 

Compartilhe: