Coluna

Oposição defende ‘redução da vaidade’ para união

Publicado por: Sheyla Sousa | Postado em: 15 de agosto de 2020

Rubens Salomão

O deputado federal e presidente do PSB, Elias Vaz, reconhece
que a proibição de coligações proporcionais força partidos a lançarem
pré-candidaturas à prefeitura de Goiânia, mas considera que poucas terão
viabilidade para passar pelo filtro das convenções e, antes disso, das
pesquisas eleitorais. Segundo ele, critérios devem orientar o debate entre pelo
menos sete nomes da oposição ao prefeito Iris Rezende, que pretendem buscar
afunilamento. “Às vezes, há diluição em candidaturas com perfis muito parecidos
e você fica fora do segundo turno por 1% ou 3% dos votos. Tudo isso tem que ser
analisado e ninguém é obrigado a abrir mão da candidatura. É um processo
natural”, afirma. Também pré-candidata, Cristina Lopes (PL) aponta que todos
precisam neste momento “reduzir o índice de vaidade” e que o debate pode causar
a “fusão” de alguns dos planos de governo.

Composição

Pré-candidatos admitem que eventuais futuras secretarias e partes
da administração já entram na negociação para que um ou outro abra mão do
projeto próprio. 

Distribuição

“Não é só a posição de prefeito ou de vice. Essas pessoas
também podem atuar junto a secretarias e as diversas formas de administração.
Não é só decidir o candidato, mas debater como Goiânia será administrada”,
defende Cristina.

Alto lá

Presidente do PSB em Goiás, Elias define: “Lissauer tem
autonomia e representa a Alego e o próprio mandato nas reuniões de partidos da
base com o governador. Nós conversamos sobre isso. O PSB não faz parte do
governo estadual”.

Para tudo

A juíza Mariuccia Benicio suspendeu edital de licitação para
contratar empresa que prepararia a privatização da Celg GT. A liminar atende
pedido feito pelo Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Urbanas do Estado
de Goiás (Stiueg).

Argumentos

A entidade argumenta que a licitação apresenta várias
irregularidades formais e pede a suspensão do processo licitatório e da sessão
pública de pregão eletrônico, 
que estava prevista para ocorrer no próximo dia 17 de agosto.

Para o caixa

A Secretaria Estadual de Administração publicou edital para leilão
de cinco imóveis do Estado. Entre eles, uma área de 15,4 mil metros quadrados
região da Rua 44, avaliada em cerca de R$ 75 milhões. Venda em setembro, por
plataforma on-line.

Debate

A diretoria da FIEG realiza segunda-feira (17) reunião
on-line aberta a empresários e industriais para discutir temas relacionados à Reforma
Tributária.

De Brasília

O encontro contará com o senador Vanderlan Cardoso (PSD),
membro na Comissão Mista que analisa a proposta no Congresso Nacional. O presidente
da federação, Sandro Mabel, defende a desoneração tributária.

CURTAS

– O presidente do Congresso, Davi Alcolumbre, promulgou
regras de repasses ao setor cultural, pela Lei Aldir Blanc. 

– O texto prevê 120 dias para que estados e municípios
repassem R$ 3 bilhões destinados a ações emergenciais no setor.

– A Justiça
suspendeu decisão que obrigava o governo estadual a pagar R$ 6,6 milhões a
Uruaçu, referentes a diferenças no FPM.

 

Compartilhe: