Coluna

Opositores e independentes atacam líder do governo

Publicado por: Sheyla Sousa | Postado em: 05 de setembro de 2019

Opositores e os auto declarados ‘independentes’ insistem na
tentativa de usar a retirada da emenda que reduz a vinculação de receita com
Educação para atacar a permanência de Bruno Peixoto (MDB) na liderança do
governo. A investida é a mesma que ganhou intensidade durante o recesso e teve
pausa quando o Ronaldo Caiado manteve o emedebista com a invenção adicional do
vice-líder, Zé Carapô (DC). Antes, a articulação contra Bruno tinha epicentro
no grupo ligado ao presidente Lissauer Vieira (PSB), que mantém postura de
“autonomia” em relação ao Executivo e, na prática, trabalha para aumentar
influência. Agora, o erro básico da falta de assinaturas em PEC fez emergir a
rejeição ao líder. O sentimento tratado à boca miúda por caiadistas ganha as
tribunas com a oposição; com destaque para provocações de Talles Barreto (PSDB)
e a dor de cotovelo de Cláudio Meirelles (PTC).

Despeito

“O líder é experiente. Quando faz isso, fico em dúvida se
ele quer ajudar o governador ou se está aqui como um inimigo de Ronaldo Caiado.
O erro (falta de assinaturas em PEC) é grosseiro”, soltou Claudio Meirelles.

Aos fatos

Em resposta, Bruno vai na jugular: “O deputado Claudio não
tem posição definida. Apoiou Marconi, depois apoiou Caiado e hoje faz oposição
porque queria ser o líder, mas é difícil alguém que não tem posição ser líder
de algo”.

Como antes

Os discursos e provocações passam longe de ameaçar o líder
de Ronaldo Caiado na Assembleia Legislativa. “Ao menos por enquanto”, comentou
um caiadista experiente.

Setor produtivo

Em contraposição ao prefeito de Anápolis, Roberto Naves
(PTB), que se aproxima do governo com a ampliação do DAIA, o deputado Antônio
Gomide (PT) criou a Frente Parlamentar em Defesa dos Distritos Industriais e
Agroindustriais de Goiás.

Trabalho

“Queremos estimular o debate sobre estas áreas que estão
paradas por alguma disputa jurídica a fim de dar celeridade no desembaraço”, antecipa
o petista.

Asfalto

Iris Rezende lança as obras de pavimentação asfáltica do
Residencial Paulo Pacheco I e II, às 9h, e do Residencial Shangri-lá, às 17h30.
Os setores integram os 34 que recebem pavimentação até o fim da gestão.

Hoje não

Diferente das posturas governistas dos últimos 21 anos, o
presidente da Assembleia Legislativa, Lissauer Vieira (PSB), voltou a
desagradar Ronaldo Caiado. Desta vez, decidiu não oficializar o vice-líder do
governo na Casa.

Justifique

Em ofício, Lissauer aponta que a função de Zé Carapô (DC)
não tem “qualquer menção” no Regimento Interno e que “tal atuação parlamentar
não está prevista em nenhum momento”.

CURTAS

– Polarização em cores: Depois do azul contra vermelho, o
presidente pede verde e amarelo, enquanto a oposição vai de preto.

– Bolsonaro conclamou os brasileiros a manifestar que “a
Amazônia é nossa” neste sábado (7 de setembro).

– Depois de embates intensos, o clima ontem foi
amistoso entre Cristiane Schmidt e deputados na Alego. 

Compartilhe: