Coluna

PDT mira deputados que votaram a favor da PEC dos Precatórios

Publicado por: Venceslau Pimentel | Postado em: 05 de novembro de 2021

Depois de entrar com ação no Supremo Tribunal Federal contra ato do presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, que autorizou votação remota da PEC dos Precatórios, o presidente do PDT, Carlos Luppi, acena que agora vai pressionar a bancada do partido para que votem contra a matéria, no segundo turno, marcado para dia 9. Um dos alvos é a deputada Flávia Morais, esposa de George Morais, que comanda o partido em Goiás. Além da parlamentar goiana, estão também na mira outros 14 deputados que votaram a favor da proposta que dá folego ao presidente Jair Bolsonaro, para tentar se reeleger. 

Em Brasília 

A ausência da secretária da Economia, Cristiane Schmidt, da audiência pública, ontem, na Assembleia, para explanar sobre a Lei Orçamentária do Estado de 2022, esvaziou o debate. Ela teve agenda no Ministério da Economia para discutir elaboração do plano de recuperação fiscal. 

Continua após a publicidade

Itinerante  

A Comissão de Finanças da Alego definiu debates sobre a Lei Orçamentária em São Miguel do Araguaia, Itapuranga, Quirinópolis, Rio Verde, Doverlândia e Planaltina. 

Alinhamento  

Depois de anunciar disposição em articular candidatura ao Senado na chapa governista, o presidente do PP, Alexandre Baldy, acompanhado prefeito de Anápolis, Roberto Naves, teve conversa com o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, que preside o diretório nacional da legenda. 

Pelo interior 

Porta-voz de Gustavo Mendanha na Alego, o deputado Cláudio Meirelles (PTC) anunciou mais um giro do prefeito de Aparecida de Goiânia, agora no norte do Estado. O partido ainda sonha ter Mendanha em seus quadros. 

Focado  

Em resposta a uma declaração de Lula, de uma eventual composição em seu governo, em caso de vitória em 2022, Henrique Meirelles (PSD) diz que não há essa possibilidade, e que o foco é no Senado, por Goiás. Em 2003, ele cedeu ao convite do ex-presidente. 

Prorrogação  

Com o relatório favorável do relator Wilde Cambão (PSD), a Assembleia vai apreciar projeto do presidente da Casa, Lissauer Vieira (PSB), que prorroga por 24 meses o prazo de execução de emendas impositivas, de 2019 e de 2020. Justifica que os recursos aos municípios retornarão ao Tesouro estadual se a matéria não for aprovada. 

Articulação  

Prefeito de Campos Verdes e presidente da Federação Goiana dos Municípios, Haroldo Naves (MDB), diz ter articulado para agregar à PEC dos Precatórios o parcelamento de débitos previdenciários dos municípios em até 240 meses. 

Sob pressão  

Evangélico e alinhado a Jair Bolsonaro, o senador Luiz do Carmo (MDB), admite pressão em cima do presidente do Senador, Rodrigo Pacheco (PSD), para marcar a sabatina de André Mendonça, indicado ao STF, pelo presidente. 

CURTAS 

– Nos últimos dois meses, a Enel Distribuição Goiás realizou 19 caravanas, percorrendo mais de 4 mil quilômetros de Norte a Sul do Estado, com a troca de mais de 600 geladeiras e cerca de 7 mil lâmpadas antigas por outras de LED, mais duradouras e econômicas.