Coluna

Presidente da Asmego diz que entidade não vai furar fila da vacinação

Publicado por: Venceslau Pimentel | Postado em: 12 de março de 2021

Venceslau Pimentel

Presidente a Associação Goiana dos Magistrados (Asmego), a juíza
Patrícia Carrijo esclareceu à coluna que a entidade não é filiada à Associação
Nacional dos Magistrados Estaduais (Anamages), entidade que conseguiu na
Justiça Federal de Brasília autorização para importar vacinas contra a Covid-19
para os seus membros e familiares. Ela disse que a Asmego é ligada à Associação
dos Magistrados Brasileiros (AMB), que conta com 15 juizes. Patrícia não quis
comentar a ação da Anamages. Limitou-se a dizer que os magistrados também estão
na linha de frente, por isso defende a flexibilização para que juízes sejam
vacinados, mas reconhece que há necessidade de vacinar, primeiro, os grupos
prioritários. “Que fique claro que não queremos furar a fila”, pontuou Patrícia
Carrijo. 

Legalidade

Ao deferir a liminar, o juiz Rolando Valcir disse reconhecer que
não há impedimento legal de a sociedade civil participar do processo de
imunização contra a Covid-19. 

Bandido, não! 

Defensor do Plano Nacional de Imunização, o governador
Ronaldo Caiado (DEM), diz respeitar a todos que atuam na linha de frente contra
a Covid-19, mas que, em Goiás, bandido não vai passar na frente da fila de
vacinação. Policiais terão prioridade na vacinação. 

Agora pode 

Uma boa notícia aos funcionários públicos. A Câmara dos
Deputados retirou da PEC Emergencial a proibição de estados e municípios
concederem progressão e promoção funcional para agentes públicos. 

Rachadinha 

O parlamentar que reter
parte do salário de seus assessores poderão ser enquadrados como ato
de improbidade administrativa, que importa enriquecimento ilícito no
exercício da função pública. 

Último dia 

Os deputados federais goianos terão até hoje para articular uma
eventual indicação para comandarem comissões permanentes na Câmara. Restaram
cinco que ainda não indicaram os seus presidentes, entre elas, a de Relações
Exteriores e de Defesa Nacional. 

Recursos

A
Federação Goiana de Municípios (FGM) apresentou aos
prefeitos informativo sobre as emendas aprovadas, no parecer parcial
da Lei Orçamentária Anual (LOA), aprovada no dia 04 de março. A entidade fez o
mapeamento das propostas. 

Ritmo lento

Se o Brasil continuar com lentidão no processo de vacinação contra
a Covid-19, a projeção de especialistas é de que só em outubro de 2022, no mês
da eleição presidencial, é que a imunização atingirá 70% dos brasileiros. 

Nova ordem 

Decreto publicado ontem, pelo prefeito Rogério Cruz, diz que os
procedimentos de licitação serão iniciados com a abertura de processo
administrativo, devidamente autuados, protocolados e numerados, e a indicação
de recurso para despesas. 

CURTAS 

Em eleição remota, o ex-prefeito de Mariana Pimentel (RS), Paulo Ziulkoski, foi
eleito ontem para presidir a Confederação Nacional dos Municípios.

Compartilhe: