Coluna

Sem TCM, Ernesto Roller vai disputar mandato nas eleições de 2022

Publicado por: Venceslau Pimentel | Postado em: 15 de maio de 2021

Apesar de ter o seu nome sendo ventilado para compor o conselho do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), nos bastidores da Assembleia Legislativa, o secretário de Governo Ernesto Roller agradece pela lembrança, mas diz à coluna que tem pela frente um projeto político. Qual seja, disputar mandato eletivo, em 2022. Não antecipa se será para deputado estadual ou federal. “Tenho que avaliar. Por enquanto, cumpro minha função na Secretaria de Governo”. Roller, eleito prefeito em 2016, pelo MDB, renunciou ao cargo, no início de 2019 para compor a equipe do governador Ronaldo Caiado. 

Caiu fora 

Nas eleições de 2018, por apoiar Caiado, e não Daniel Vilela, presidente do MDB, o nome de Roller foi parar no Conselho de Ética. Às vésperas do julgamento, ele se desligou do partido. 

Se antecipando 

Na berlinda por conta da Proposta de Emendas à Constituição (PEC) que extingue o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), o presidente o órgão, Joaquim de Castro, acaba de enviar à apreciação dos deputados um relatório sobre as atividades desenvolvidas ao longo de 2020. Procura mostrar a importância do órgão. 

Transitando  

Não se sabe se à revelia de Daniel Vilela, o certo é que o prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha ((MDB) continua se movimentando. Ele visitou o prefeito de Trindade, Marden Júnior (Patriota), afilhado político de Jânio Darrot (Patriota), que busca se viabilizar para disputar o governo. 

Pra Goiás 

Diante da repercussão do chamado orçamento paralelo, o senador Vanderlan Cardoso (PSD) diz que todos os recursos liberados foram exclusivamente destinados a municípios goianos. 

Apuração  

O senador reitera que não conhece e não tem nenhuma relação com entes da cidade de Betim (MG), a quem teria sido destinado dinheiro, e adianta que vai pedir investigação para apurar o uso do nome dele. 

Ver pra crer  

Candidato a presidir a Associação Goiana dos Municípios, cuja eleição acontece na próxima semana, o prefeito de Gameleira, Wilson Taveira (DEM), está às voltas com a destinação de R$ 20 milhões ao município, do orçamento paralelo, via um senador do Acre. Ele diz que ainda não viu a cor do dinheiro. 

Ao diálogo  

Prefeito de Senador Canedo, Fernando Pellozo (PSD) aposta em união com a Câmara de Vereadores para superar conflitos políticos, como forma de beneficiar a população, disse ontem em evento na cidade. 

Em tempo 

Às vésperas da temporada do Rio Araguaia, os deputados Lucas Calil (PSD) e Delegado Eduardo Prado (DC) querem convencer o governo a abrir do decreto que proíbe turismo em toda a região. Projeto que suspende decisão do Executivo tramita na Alego. 

CURTAS 

– O Palácio do Planalto Bolsonaro articula para montar palanque em todos os estados para o presidente Jair Bolsonaro. Goiás está na mira. 

– Ao lembrar que quase 20 milhões de pessoas passam fome no Brasil, o deputado e presidente do Podemos em Goiás, José Nelto, diz ao ministro Paulo Guedes que o povo não pode pagar pela incompetência dele.  

Compartilhe: