Tiago Henrique é condenado a 20 anos de prisão por morte de Ana Karla

Esse foi o primeiro júri popular do suposto serial killer. Reclusão será na Penitenciária Odenir Guimarães, onde Tiago já estava preso desde 2014

Postado em: 16-02-2016 às 12h39
Por: Redação
Esse foi o primeiro júri popular do suposto serial killer. Reclusão será na Penitenciária Odenir Guimarães, onde Tiago já estava preso desde 2014

Larissa Angélica

O suposto serial killer Tiago Henrique Gomes da Rocha foi condenado a cumprir 20 anos de reclusão pelo assassinato duplamente qualificado de Ana Karla Lemes da Silva, de 15 anos. A sentença foi proferida agora há pouco pelo juiz Jesseir Coelho de Alcântara, que presidiu o primeiro júri popular do condenado.

O Promotor, Cyro Terra Peres disse não ter dúvidas de que Tiago seja o autor do crime e o considera um criminoso de alta periculosidade. “Eu imploro pela condenação, porque o caso é de vida ou morte”, disse. A Promotoria entrou com recurso e pediu que a pena seja levada para 30 anos. 

Continua após a publicidade

O julgamento aconteceu no auditório do 2º Tribunal do Júri no Setor Oeste, em Goiânia. Tiago não esboçou reação ao receber a notícia de sua sentença. Além desse, o vigilante é acusado de outros 35 homicídios na capital.

A reclusão será na Penitenciária Coronel Odenir Guimarães, inicialmente em regime fechado, onde Tiago já estava detido desde 2014, quando foi preso.

Relembre o caso

Ana Karla Lemes da Silva foi assassinada no dia 15 de dezembro de 2013 no Setor Jardim Planalto, na capital. O crime ocorreu por volta das 19h quando a estudante de 15 anos caminhava sozinha pelas ruas do bairro. A jovem morreu com um tiro no tórax, sendo identificada pelo vigilante como sua 16ª vítima, em depoimento à Polícia Civil. 

(Foto: Tribunal de Justiça)

Veja Também