Continua grave o estado de saúde da gêmea siamesa

A bebê passou por cirurgia de separação nesta semana e ainda respira com a ajuda de aparelhos

Postado em: 15-09-2016 às 15h28
Por: Redação
A bebê passou por cirurgia de separação nesta semana e ainda respira com a ajuda de aparelhos


 
O estado de saúde de Débora Guedes Cordeiro Vieira, de quatro meses, que passou por cirurgia de separação na última terça-feira (13) continua grave. De acordo com o boletim de saúde divulgado pelo Hospital Materno Infantil (HMI), Débora segue internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Pediátrica do HMI e respira com a ajuda de aparelhos. Ainda não há previsão de alta.
Cirurgia
Débora e Ana Júlia, de quatro meses nasceram na unidade no início de maio deste ano com 34 semanas e eram unidas pelo tórax e abdômen. Além disso, também compartilhavam o fígado e uma membrana do coração. De acordo com o hospital, a cirurgia foi realizada em caráter de emergência, devido o quadro clínico grave de uma delas, Ana Júlia que morreu durante o procedimento.
Ajuda
O HMI e o Hemocentro de Goiás (Hemogo) pedem que a população doe sangue O positivo para ser utilizado no período de recuperação. As doações podem ser feitas na sede do Hemocentro, localizado na Avenida Anhanguera n° 5.195, Setor Campinas, entre 8h e 17h, em nome de Débora. (Foto ilustrativa: Fabio Rodrigues Pozzebom)

Veja Também