Motorista oferece propina para não ser multado e acaba preso pela PRF

Ele ofereceu a quantia de R$ 400 para que os policiais o liberasse para seguir viagem

Postado em: 13-10-2016 às 16h10
Por: Redação
Ele ofereceu a quantia de R$ 400 para que os policiais o liberasse para seguir viagem

Um homem, de 29 anos, foi preso por corrupção ativa nesta quinta-feira (13) na BR-153, em Uruaçu, no norte goiano. Ele ofereceu dinheiro aos policiais rodoviários federais para que não fizessem as multas por diversas irregularidades encontradas no veículo e na documentação obrigatória.
 
O homem havia saído de Itaberaí (GO) com destino a Tucumã (PA) quando foi parado pela PRF. Durante a fiscalização, os agentes verificaram que o veículo, uma picape Saveiro, estava com seis anos de documentação atrasada e a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do motorista estava vencida há mais de seis meses.
 
No momento em que a equipe informou ao condutor que o carro seria recolhido para o pátio e que seriam aplicadas as medidas administrativas previstas no Código de Trânsito, ele ofereceu a quantia de R$ 400 para que os policiais o liberasse para seguir viagem.
 
O motorista foi preso por corrupção ativa e conduzido à polícia civil de Uruaçu. Se condenado, ele poderá cumprir de 2 a 12 anos de reclusão, conforme previsto no artigo 333 do Código Penal.
 

Veja Também