Mamãe Noel pede ajuda para arrecadar brinquedos

Cláudia visa angariar 100 brinquedos, sendo 80 deles destinados à crianças de um Cmei da Capital e 20 para moradores do Residencial Itaipú

Postado em: 19-10-2016 às 06h00
Por: Renato
Cláudia visa angariar 100 brinquedos, sendo 80 deles destinados à crianças de um Cmei da Capital e 20 para moradores do Residencial Itaipú

Ingrid Reis

O dia 25 de dezembro é uma data muito aguardada por meninos e meninas por conta dos presentes natalinos. Muitas vezes, a criança nutre a expectativa que no fim do ano ela possa ser contemplada com o sonhado brinquedo. Em muitas famílias, a questão é só esperar pelo Natal para presentear o afilhado, filho, sobrinho, neto. No entanto, para muitas crianças carentes de regiões periféricas da Capital, o desejo de receber um embrulho colorido fica só na imaginação.

Pensando em cada uma dessas crianças que ficam sem presentes em uma data tão nobre, a Mamãe Noel, Cláudia Silva Santana, de 44 anos, criou o projeto Grupo Amigo Crianças Felizes. E há três anos leva a magia do Natal para lares carentes do Residencial Itaipú e também para o Cmei, Consuelo Nasser. 

Continua após a publicidade

Embora o projeto já exista como uma tradição para Cláudia, ela não possui pessoas que possam contribuir todos os anos. As ajudas que a voluntária consegue são dos parentes e familiares que acreditam que uma lembrança pode fazer o sorriso dos pequenos.  Para que as crianças sejam beneficiadas, ela pede a doação de brinquedos para meninas e meninos de 0 a 7 anos. 

Segundo Cláudia, quando ela não consegue arrecadar os brinquedos ela mesma vai até o Setor Campinas e compra o que falta com o próprio dinheiro. “Trabalho em casa de família e não ganho muito, mas para não deixar as crianças sem presentes eu compro e parcelo a conta”, relata.
  
No ano passado a meta era conseguir mil brinquedos, contudo, o objetivo não foi alcançado e os poucos brinquedos arrecadados foram doados para moradores da região. “Em 2015 infelizmente eu fiquei financeiramente apertada e não consegui comprar os presentes para os baixinhos do Cmei”, relembra com pesar. Este ano, a Mamãe Noel visa angariar 100 brinquedos, 80 deles serão direcionados às crianças do Cmei, e o restante farão a alegria de moradores da região, assim como em 2015.   

Brinquedos 

Cláudia conta que os presentes mais pedidos pelos meninos são os carrinhos de controle remoto e bolas de futebol. As meninas sempre pedem bonecas que falam. Já as crianças de 7 anos, que já estão saindo do Cmei a caminho de escolhinhas, gostam de serem presenteadas com materiais escolares, como cadernos de super-heróis, lancheiras e mochilas de personagens infantis.
 
A Mamãe Noel explica que não é sempre que ela pode comprar presentes mais caros, como é o caso do carrinho de controle remoto.  Nessas horas, ela precisa explicar que não teve dinheiro suficiente para comprar o carrinho para todas as crianças e que não pode comprar para um e deixar outro sem. 

Iniciativa

Cláudia conta que quando era nova, morou na roça e seus pais não tinham condições de comprar brinquedos no Natal. Porém, a ideia de arrecadar brinquedos começou depois que o neto foi matriculado no Cmei. 

Serviço:
Doação de Brinquedos
Fone: (62) 9 9270-8061 falar com Cláudia

Veja Também