Profissionais da educação de Senador Canedo serão vacinados contra Covid-19

Postado em: 02-06-2021 às 08h37
Por: Pedro Jordan
Secretaria Municipal de Saúde (SMS) vai realizar Drive-thru na Praça Criativa Central para agilizar a imunização e evitar aglomeração durante a vacinação. Foto: Divulgação

Nesta quarta-feira (02/06), começou em Senador Canedo a vacinação contra Covid-19 de todos os profissionais que trabalham na área da educação do município. Os trabalhadores enquadrados no Programa Nacional de Imunização (PNI), a partir de 18 anos, poderão se vacinar no Drive-thru da Praça Criativa Central, das 9h às 16h.

Para se imunizar o trabalhador deve comprovar vínculo empregatício na área de educação em uma unidade escolar pública ou privada de Senador Canedo. Além disso, é preciso levar documento de identificação com foto, cartão SUS ou CPF e cartão de vacinação.

O prefeito de Senador Canedo, Fernando Pellozo, explica que essa etapa da vacinação, não é exclusivamente para professores, desta forma, todos trabalhadores da educação podem se vacinar. “Todos profissionais que trabalham no município e se enquadram no grupo prioritário, devem ficar atentos aos locais de vacinação. Estamos realizando uma verdadeira força tarefa para proteger nossa população”, explica o chefe do executivo municipal.

O secretário de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, Sidney Pires, ressalta a importância da vacinação para a volta das aulas presenciais. “Com a pandemia os professores tiveram que se reinventar. Quando pensamos no ensino remoto, mesmo como todas tecnologias, ele não supre a importância do professor junto ao aluno. Com a vacina podemos criar um planejamento junto a SMS, para redução de impactos e a possibilidade do retorno das aulas presenciais”, explica Sidney.

Para o secretário, foi muito importante a inclusão de todos os profissionais na campanha de imunização. “Para que a educação aconteça, é preciso do empenho de todos os profissionais. Fico muito feliz, por ter sido reconhecida a necessidade de vacinar todos os profissionais”, salienta o secretário.

Segundo a secretária de saúde, Gercilene Branca, cada grupo prioritário que se abre é pensado em uma estratégia para acelerar a imunização e garantir que todos se vacinem. “Sempre adotamos a estratégia do drive-thru como apoio aos pontos fixos, por ser mais ágil e receber quatro pessoas por veículo. Além de evitar aglomeração quando a procura é grande”, destaca Branca.

Compartilhe: