Lactantes, garis e profissionais da imprensa na linha de frente receberão vacina em Goiás

Postado em: 24-06-2021 às 12h11
Anuncio foi feito por Caiado em suas redes sociais. Foto: Reprodução

Na manhã desta quinta feira (24/06), o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM) anunciou a chegada de novas doses de vacinas no estado, e afirmou que 10% destas, serão destinadas a três grupos específicos: Lactantes, garis e profissionais da imprensa na linha de frente.

Segundo Caiado, a comunicação é aliada da população, e os profissionais que diariamente trabalham correndo riscos para informar com clareza e precisão a população tem papel fundamental em serem imunizados. “A comunicação é nossa aliada no combate às fake news!” postou em seu twitter.

O governador também citou que nos municípios, o direcionamento dessa carga de zona de risco será avaliado internamente. “Dentro desses 10% de vacinas destinadas a grupos específicos, cada prefeitura vai poder decidir qual categoria incluir, dentro da realidade de cada município.” cita.

Chegada das vacinas

O Governo de Goiás recebeu, na manhã desta quinta-feira (24/06), 150.100 doses de vacinas contra Covid-19. A remessa com 100 mil unidades da Coronavac, produzida pelo Instituto Butantan, e 50.100 da Janssen, da Johnson & Johnson, será distribuída entre os municípios goianos ainda nesta semana. Metade do novo lote de Coronavac deve ser para primeira dose e o restante para reforço. Já as vacinas da Johnson & Johnson são dose única. Nesta sexta-feira (24/06), também desembarcam em território goiano mais 74.880 unidades da vacina da Pfizer.

“Acreditamos que vamos conseguir rapidamente avançar na faixa etária e podermos chegar ao mês de setembro com toda a faixa etária até 18 anos 100% vacinada”, projeta o chefe do Executivo estadual. Com essas remessas, Goiás totaliza 224.980 unidades recebidas nesta semana.

O carregamento desembarcou no Aeroporto Internacional de Goiânia às 10h15 e seguiu para a Central Estadual de Rede de Frio da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO). No local é feita a conferência técnica dos imunizantes, e em seguida é iniciado o transporte. As vacinas da Janssen, de aplicação única, serão destinadas aos 24 municípios goianos com mais de 50 mil habitantes, conforme definição da Comissão Intergestores Bipartite de Goiás.

Com o recebimento de novas doses, o secretário de Estado da Saúde de Goiás, Ismael Alexandrino, faz um alerta para que a população procure os postos conforme as regras de cada município. Em especial, ele pede para que os cidadãos voltem para tomar o reforço do imunizante. “As vacinas mostram grande eficácia para diminuir óbitos e as internações, o que é o grande objetivo”, pontua.

Para aumentar o ritmo de imunização, o Estado está em fase de aquisição de 142 mil doses da Sputnik V, produzidas pela Rússia. Atualmente, a estratégia adotada em Goiás é a de destinar 70% das vacinas para serem aplicadas por ordem decrescente de idade, e os outros 30% para os grupos prioritários.

Com esse novo carregamento, Goiás atinge a marca de 3.788.930 de doses já recebidas desde o início da campanha, em janeiro deste ano.

Até às 15h de quarta-feira (23/06), Goiás registrou a aplicação de 2.081.732 doses das vacinas contra a Covid-19 em todo o Estado. Em relação à segunda dose, foram vacinadas 693.167 pessoas. A atualização dos dados nos sistemas oficiais é realizada pelos municípios, que são os responsáveis pela aplicação das vacinas em seus territórios.

Por: Pedro Jordan
Compartilhe: