Com dois casos em Goiás, variante Delta atingiu 122 pessoas no Brasil

Postado em: 21-07-2021 às 16h11
Cepa deve se tornar dominante no mundo em alguns meses, informou a OMS. | Foto: Reprodução

Dois casos de infecção pela variante Delta foram registrados dentro do Estado de Goiás. A Cepa, que é mais transmissível, deve se tornar a dominante em todo o mundo nos próximos meses, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) informou, nesta quarta-feira (21/07) que trata-se de um casal com histórico de viagens para o exterior. A contaminação não aconteceu localmente, ou seja, não configura configura transmissão comunitária em Goiás. Moradores de Goiânia, ambos os casos já evoluíram para a cura.

Atualmente, o Brasil tem 122 casos da variante documentados em território nacional. O Ministério da Saúde divulgou nesta terça (20) que a cepa causou cinco óbitos no país, sendo um no estado do Maranhão e quatro no Pará.

Os casos notificados foram seis em um navio que esteve na costa do Maranhão, dois em Goiás, cinco em Santa Catarina, três no Rio Grande do Sul, três em São Paulo, um em Minas Gerais, dois em Pernambuco, 13 no Paraná e 87 no Rio de Janeiro.

Por: Alice Orth
Compartilhe: