Suspeito de queimar cachorra e ameaçar ex-mulher é preso, em Valparaíso

Postado em: 15-09-2021 às 11h16
Por: Almeida Mariano
Vídeos do animal doméstico sendo queimado deram repercussão ao crime | Foto: Reprodução

A Polícia Civil de Goiás (PCGO), por meio da equipe da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) de Valparaíso de Goiás, prendeu nessa terça-feira (14/09) o autor de crimes de ameaça, maus-tratos a animal doméstico e descumprimento de medidas protetivas de urgência, cometidos no final de janeiro de 2021.

O caso ganhou repercussão depois que vídeos gravados pelo suspeito foram compartilhados nas redes sociais. Nos vídeos, o suspeito aparecia ameaçando a ex-companheira, por não concordar com o término do relacionamento, e queimando a cadelinha que pertencia ao casal com uma chave de fenda quente.

No final de semana em que os crimes foram praticados, a vítima registrou ocorrência na Central de Flagrantes de Valparaíso e requereu medidas protetivas de urgência, com base na Lei Maria da Penha. E mesmo após ser intimado dessas medidas, o suspeito ainda entrou em contato com a vítima através do Facebook, descumprindo as medidas protetivas.

Diante dos acontecimentos, a Polícia Civil efetuou a prisão preventiva do suspeito. No interrogatório, o suspeito fez uso do seu direito de ficar em silêncio, e na sequência, foi encaminhado ao presídio municipal.

Os crimes de ameaça e maus-tratos foram cometidos em janeiro deste ano.

Compartilhe: