Goiás recebe nova remessa com 211.400 doses da CoronaVac

Postado em: 18-09-2021 às 16h26
Por: Luan Monteiro
Imunizantes serão destinados para uso como primeira e segunda doses. Meta é cobrir toda população goiana maior de 18 anos, até o fim de setembro | Foto: Wesley Costa

O Governo de Goiás recebeu, na manhã deste sábado (18/09), um novo carregamento de vacinas contra Covid-19. O lote, enviado pelo Ministério da Saúde (MS), desembarcou, às 10h10, no Aeroporto Internacional de Goiânia, com 211.400 doses CoronaVac, fabricadas pelo Instituto Butantan. Metade do carregamento será usado como primeira dose e a outra metade será destinada para a segunda aplicação.

Assim que desembarcaram, as vacinas foram encaminhadas para a Central Estadual de Rede de Frio, unidade da Secretaria de Estado da Saúde (SES-GO), em Goiânia. Após conferência, elas serão enviadas aos municípios uma vez por semana, conforme decisão da Comissão Intergestores Bipartite (CIB).

“São milhares de famílias no Estado que perderam entes queridos”, disse o governador Ronaldo Caiado que também frisou a importância da vacinação. “Vamos vacinar, é fundamental. Peço ajuda a todos, precisamos superar essa etapa, salvar vidas”, pontuou. 

O secretário de Estado da Saúde de Goiás, Ismael Alexandrino, reforça a importância da adesão da população à imunização contra a Covid-19. “Temos quase 200 mil pessoas que ainda não se vacinaram em Goiás e não há falta de vacina, até o momento. Precisamos da conscientização das pessoas que estão aptas a se vacinarem que busquem pela vacina pela sua saúde e pela saúde de todos os goianos”, reforçou.

O secretário também lembra os gestores municipais que as doses CoronaVac não são indicadas para a vacinação de adolescentes. “Em Goiás, não vamos paralisar a vacinação dos adolescentes. No entanto, a Anvisa não autoriza o uso desse imunizante para menores de 18 anos”, lembrou.

Conforme resolução da CIB de Goiás, os imunizantes recebidos poderão ser utilizados para vacinação por faixa etária, em ordem decrescente de idade. Os grupos prioritários, como idosos, trabalhadores da saúde, educação ou pessoas com comorbidades, que ainda não se vacinaram, por algum motivo, terão prioridade, independentemente da idade que estiver sendo atendida naquele município no momento.

Doses aplicadas

Do total de vacinas recebidas até o momento, até às 15h dessa sexta-feira (17), Goiás aplicou a primeira dose em 4.496.675 goianos. Com o esquema completo, seja pelo reforço ou pela aplicação em dose única, foram imunizadas 2.300.844 pessoas.

Compartilhe: