Ministério Público cobra da Goinfra a conclusão do asfalto da GO-330

Promota questionou sobre o estado precário da rodovia, mato alto que invade a pista e a falta de sinalização adequada.

Postado em: 21-09-2021 às 14h59
Por: Alice Orth
Promota questionou sobre o estado precário da rodovia, mato alto que invade a pista e a falta de sinalização adequada. | Foto: Reprodução

O Ministério Público de Goiás (MPGO) cobrou posição da Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra) medidas para melhorar o trecho asfáltico da GO-330, no trecho de Santa Rosa de Goiás até a GO-154 (trevo Taquaral de Goiás e Itaguari).

A promotora de Justiça Andreia Zanon Marques Junqueira questionou o órgão sobre o estado precário da rodovia, mato alto que invade a pista e a falta de sinalização adequada.

Em resposta, a Goinfra fez um retrospecto de contratações para pavimentação a partir de 2018, informando que, em razão do questionamento, encaminhou a duas de suas diretorias pedido para inclusão da obra no planejamento de 2021-2022. No entanto, o órgão solicitou prazo adicional de 30 dias para complementar informações sobre alguns despachos feitos sobre o tema, que foi concedido pelo MPGO, e passa a contar de 8 de setembro.

Continua após a publicidade

A promotora de Justiça disse estar acompanhando o caso, com a instauração de procedimento preparatório. Ela requisitou ainda novas informações sobre a situação à prefeitura de Santa Rosa de Goiás.

Com assessoria

Veja Também